Faixa-preta da Alliance destaca o seu diferencial como professor de Jiu-Jitsu

0
84
Giovanne Guedes valoriza a formação de cidadãos usando a arte suave como principal plataforma - Divulgação

Graduado à faixa-preta em 2010 pelos campeões mundiais Zé Mário Sperry e Fernando Paradeda, Giovanne Guedes tinha como maior sonho chegar ao UFC, principal evento de MMA do mundo. Porém, com mais de 20 anos de experiência nas artes marciais, o gaúcho decidiu seguir sua carreira como professor e se tornou um dos profissionais mais renomados do Jiu-Jitsu brasileiro.

Giovanne Guedes valoriza a formação de cidadãos usando a arte suave como principal plataforma – Divulgação

Proprietário e fundador da Alliance Tristeza, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, ele já formou mais de 30 faixas-pretas. A equipe Alliance Jiu-Jitsu, campeã mundial 14 vezes, é liderada pelos renomados atletas e professores Fabio Gurgel e Mario Reis.

Mas antes de se dedicar a ensinar a arte suave, o Giovanne se destacou como competidor, o que deu ainda mais credibilidade para que ele seguisse a sua trajetória como professor.

“Meu diferencial é ter vivido uma carreira como atleta profissional, o que me capacita e me dá propriedade como professor, pois vivo o que transmito aos meus alunos. Além disso, me mantenho sempre estudando para melhorar como profissional, buscando aperfeiçoar a metodologia, a didática, a oratória e a visão de negócio. Tenho uma escola de sucesso no Brasil há 14 anos. Hoje, ela é uma afiliada da Alliance Jiu-Jitsu. Já formei mais de 30 faixas-pretas, sendo que dez deles, hoje, são professores na minha escola,” contou Guedes.

Como uma autoridade no Jiu-Jitsu, Giovanne fez parte dos camps do maior nome da luta agarrada do momento: Nicholas Meregali. O professor ajudou nos treinamentos para as campanhas que levaram Meregali a conquistar três vezes o Mundial da IBJJF, além de diversos outros títulos. Giovanne fez questão de estar presente nas principais competições de Nicholas como córner.

Giovanne Guedes valoriza a formação de cidadãos usando a arte suave como principal plataforma – Divulgação

Bicampeão Brasileiro e Sul-Americano Master de Jiu-Jitsu pela CBJJ, além de terceiro colocado no Mundial Master da IBJJF, Guedes fez questão de destacar sua metodologia nos treinos, que consistem em muita técnica, repetição de movimentos e preparação física. Como professor, além de formar campeões nos tatames, ele tem também como objetivo usar o Jiu-Jitsu para formar cidadãos com bons princípios.

“Através do Jiu-Jitsu eu contribuí na educação e formação de mais de três mil alunos, entre adultos e crianças, fazendo com que entendessem que o que aprendemos no tatame se estende para a vida lá fora. Mostro na prática o estilo de vida saudável que o Jiu-Jitsu proporciona, como manter uma dieta equilibrada, como a atividade física é importante para a melhora da saúde, mente e espírito, além de mostrar que o esporte vai além de campeonatos, medalhas e títulos,” finalizou.