Apostas no UFC 261: série invicta faz Usman ser barbada contra Masvidal

O UFC 261 tem tudo para entrar para a história. Além de ser o primeiro evento promovido pelo Ultimate a receber público desde o início da pandemia, o card conta com três duelos valendo cinturão. O main event da noitada de lutas deste sábado (24), em Jacksonville, na Flórida, será o combate entre Kamaru Usman e Jorge Masvidal – e o campeão da categoria meio-médio tem chance de se aproximar das lendas Anderson Silva e Jon Jones na lista de maiores séries invictas da história do UFC. Não por acaso, o nigeriano é favorito disparado nas cotações das casas de apostas esportivas da internet.

Além de Usman x Masvidal, o UFC 261 apresentará duas lutas femininas valendo título. A primeira delas será entre Jéssica “Bate-Estaca” Andrade e Valentina Shevchenko, valendo o título peso mosca. Mostraremos tudo sobre as oportunidades de lucro no possível título da brasileira nesta sexta. O outro combate pelo cinturão será entre a chinesa Zhang Weili, atual detentora do título e favorita, e a americana Rose Namajunas, no peso palha. Todas as cotações listadas a seguir, fornecidas pelo Odds Shark, estão à disposição para apostas no Bodog, uma das melhores casas do ramo e referência internacional nesse mercado. 

Peso meio-médio – (R$ 1,25) Kamaru Usman x Jorge Masvidal (R$ 4,00)

Já são treze vitórias seguidas para Usman, sendo a última delas sobre o brasileiro Gilbert “Durinho” Burns no UFC 258, em fevereiro. Com isso, ele está a três triunfos de igualar as 16 vitórias consecutivas do Spider e a quatro do recorde de Jon Jones (17). Se derrotar o americano Masvidal, o nigeriano deixará para trás Khabib Nurmagomedov, Max Holoway, Georges St-Pierre e Demetrious Johnson, que também emendaram treze vitórias seguidas no UFC. E esse retrospecto recente impecável faz de Usman uma barbada, com cotação de R$ 1,25 para 1 no Bodog caso alcance a 14a vitória.

Masvidal já teve a chance de tomar o cinturão de Usman no ano passado, mas perdeu por pontos. A decisão de Dana White de dar mais uma chance ao americano parece motivada menos pelos méritos de Masvidal, que nem sequer voltou a lutar depois de perder para o nigeriano, e mais pela falta de oponentes fortes para Usman. Naquele combate disputado na Ilha da Luta, o campeão dominou do começo ao fim e “amassou” o americano. A única diferença desta vez é que Masvidal teve mais tempo para se preparar e deve chegar com a parte física aprimorada. Ainda assim, fica difícil apostar na queda do atual campeão.

Outras cotações para Usman x Masvidal:

  • Kamaru Usman vence por decisão dos jurados: R$ 1,83 para 1
  • O campeão ganha por nocaute ou nocaute técnico: R$ 3,50 para 1
  • O combate chegará ao quinto e último assalto: R$ 1,64 para 1

Peso palha feminino – (R$ 1,47) Zhang Weili x Rose Namajunas (R$ 2,70)

Por falar em sequência de vitórias, a chinesa campeã do peso palha ganhou todas as cinco lutas que disputou no UFC e, somando os combates por outros torneios, tem nada menos de vinte vitórias consecutivas. Ela só perdeu sua primeira luta como profissional, em 2013.  Segundo as casas de apostas, a maior chance é de que essa sequência seja ampliada, com a vitória da campeã pagando R$ 1,47 para cada real investido. Vale lembrar, porém, que a desafiante já foi a campeã da categoria de 2017 a 2019 e também corria por fora quando tomou o cinturão de Joanna Jedrzejczyk, que estava invicta na carreira até aquele duelo.

Outras cotações para Zhang x Namajunas:

  • Zhang Weili ganha a luta por pontos: R$ 2,60 para 1
  • Namajunas conquista o título com um nocaute: R$ 6,50 para 1
  • Zhang vence por nocaute ou finalização: R$ 2,90 para 1

Peso médio – (R$ 2,05) Uriah Hall x Chris Weidman (R$ 1,80)

Ainda no card principal, vale destacar a lutaça entre dois grandes nomes do peso médio – ainda que nenhum deles viva seu melhor momento. O ex-campeão Chris Weidman, algoz de Anderson Silva, está em 11o no ranking da categoria e vem de um triunfo sobre o russo Omari Akhmedov. Uriah Hall é o 9o no ranking e nocauteou o Spider em seu último duelo. Com odds de R$ 1,80 para 1 no Bodog, Weidman é o favorito, mas por margem apertada, já que vitória do “Homem-Ambulância” paga R$ 2,05 para 1. Note que Weidman venceu só duas de suas últimas sete lutas, enquanto Hall ganhou quatro das últimas cinco. Chance de mais que dobrar seu investimento se você acreditar no jamaicano.

Outras cotações para Hall x Weidman:

  • O “Homem-Ambulância” consegue mais um nocaute: R$ 3,00 para 1
  • Weidman, forte no wrestling, vence a luta por finalização: R$ 4,95
  • A decisão vai para as papeletas dos jurados após 3 rounds: R$ 1,90 para 1

Confira todos os combates e as cotações do Bodog para o UFC 261, neste sábado (24/4), na VyStar Veterans Memorial Arena, em Jacksonville, Flórida (em destaque, os lutadores brasileiros escalados para o evento):

CARD PRINCIPAL (a partir das 23h, horário de Brasília) 

Peso meio-médio – (R$ 1,25) Kamaru Usman x Jorge Masvidal (R$ 4,00)

Peso palha feminino – (R$ 1,47) Zhang Weili x Rose Namajunas (R$ 2,70)

Peso mosca feminino – (R$ 1,22) Valentina Shevchenko x Jéssica Bate-Estaca (R$ 4,25)

Peso médio – (R$ 2,05) Uriah Hall x Chris Weidman (R$ 1,80)

Peso meio-pesado – (R$ 2,60) Anthony Smith x Jimmy Crute (R$ 1,50)

CARD PRELIMINAR (a partir das 21h)

Peso meio-médio – (R$ 2,30) Alex Cowboy x Randy Brown (R$ 1,64)

Peso meio-médio – (R$ 1,43) Dwight Grant x Stefan Sekulic (R$ 2,85)

Peso médio – (R$ 2,25) Karl Roberson x Brendan Allen (R$ 1,66)

Peso pena – (R$ 1,43) Pat Sabatini x Tristan Connelly (R$ 2,85)

PRELIMINARES INICIAIS (a partir das 19h)

Peso galo – (R$ 1,54) Danaa Batgerel x Kevin Natividad (R$ 2,50)

Peso leve – (R$ 3,00) Rodrigo Vargas x Zhu Rong (R$ 1,40)

Peso mosca – (R$ 1,90) Qileng Aori x Jeff Molina (R$ 1,90)

Peso palha feminino – (R$ 2,60) Liang Na x Ariane Carnelossi (R$ 1,50)