Apostas no UFC 263: Deiveson e Adesanya são favoritos a manter seus cinturões

As apostas no UFC 263, evento que acontece neste sábado (12), em Glendale (EUA), estão em alta. Afinal, o card destaca duas lutas valendo cinturão, sendo que ambos os campeões têm claro favoritismo. Um deles é o brasileiro Deiveson Figueiredo, que concede revanche ao mexicano Brandon Moreno – e, assim como no primeiro duelo entre eles, entrará com ampla vantagem nas cotações das melhores casas de apostas esportivas da internet. Mais favorito ainda é Israel Adesanya, quase uma barbada diante do italiano Marvin Vettori.

Ambos os desafiantes são atletas perigosos, mas o investimento nos atuais campeões está pintando como a opção mais inteligente. Tanto Deiveson como Adesanya vêm de extensas séries invictas em suas categorias (o nigeriano vem de derrota, mas na divisão de cima). O evento do fim de semana terá presença de público e será exibido no Brasil pelo Combate. As cotações a seguir, fornecidas pelo Odds Shark, estão à disposição para você apostar no Bodog, uma das melhores casas do ramo, referência internacional no mundo das apostas. 

Peso mosca – (R$ 1,43) Deiveson Figueiredo x Brandon Moreno (R$ 2,85)

Um dos três atletas brasileiros campeões do UFC no momento, Deiveson vai reencontrar o desafiante Brandon Moreno no co-evento principal do UFC 263. Assim como no primeiro combate, o paraense de 33 anos é o favorito, pagando R$ 1,43 para cada real investido no Bodog, ou seja, um lucro de 43% em caso de vitória brasileira. Na luta passada, o empate foi considerado uma enorme zebra. Vale lembrar, porém, que Deiveson teve uma infecção intestinal antes da luta e chegou a ser hospitalizado, chegando fragilizado para o duelo.

Mesmo longe da condição física ideal, o “Deus da Guerra” travou uma batalha de 5 rounds com o mexicano e manteve o cinturão graças à igualdade nas papeletas dos jurados. Com seis meses para se recuperar da maratona do segundo semestre de 2020 (quando fez três lutas em menos de cinco meses), o brasileiro chega inteiro para a revanche. Deiveson tem um cartel espetacular (com 22 vitórias em 20 lutas como profissional) e promete mostrar sua superioridade em relação a Moreno, 27 anos, cujo currículo é bem mais modesto.

Peso médio – (R$ 1,37) Israel Adesanya x Marvin Vettori (R$ 3,10)

Na luta principal do UFC 263, Adesanya defende seu cinturão diante de Vettori, que busca ser o primeiro italiano campeão do Ultimate. Segundo as casas de apostas, o campeão do peso médio é ainda mais favorito que Deiveson, pagando R$ 1,37 para 1 se continuar com o título. Os fãs de MMA estão ansiosos para ver como o nigeriano chega para o combate, já que ele sofreu a primeira derrota da carreira em março, no UFC 259, ao se arriscar entre os meio-pesados. Naquela luta, Jan Blachowicz aproveitou a vantagem de tamanho sobre Adesanya e ficou com o cinturão, vencendo na decisão dos jurados.

Apesar da frustração provocada pela perda da invencibilidade e por não ter conseguido se transformar num campeão de duas categorias de forma simultânea, Adesanya é mesmo a opção mais coerente na hora de fazer um palpite para este sábado. O campeão entrará no octógono com fome de vitória, ansioso para mostrar sua força na categoria que domina há dois anos. Vettori é um lutador competente, bate forte e vem de boa sequência (são cinco triunfos seguidos). Só que não dá nem para comparar seu currículo com o de Adesanya. O italiano já teve a oportunidade de medir forças com Adesanya em 2018, quando foi batido por decisão dividida. Desde então, porém, o nigeriano passou por nomes como Anderson Silva, Kelvin Gastelum, Robert Whittaker, Yoel Romero e Paulo Borrachinha, consolidando o status de melhor peso médio da atualidade.

Confira todos os combates e as cotações do Bodog para o UFC 263, neste sábado (12/6), na Gila River Arena, em Glendale (em destaque, os lutadores brasileiros escalados para o evento no Arizona):

CARD PRINCIPAL (a partir das 23h, horário de Brasília) 

Peso médio – (R$ 1,37) Israel Adesanya x Marvin Vettori (R$ 3,10)

Peso mosca – (R$ 1,43) Deiveson Figueiredo x Brandon Moreno (R$ 2,85)

Peso meio-médio – (R$ 1,19) Leon Edwards x Nate Diaz (R$ 4,65)

Peso meio-médio – (R$ 2,75) Demian Maia x Belal Muhammad (R$ 1,44)

Peso meio-pesado – (R$ 3,50) Paul Craig x Jamahal Hill (R$ 1,30)

CARD PRELIMINAR (a partir das 21h)

Peso leve – (R$ 1,71) Drew Dober x Brad Riddell (R$ 2,15)

Peso meio-pesado – (R$ 1,64) Eryk Anders x Darren Stewart (R$ 2,30)

Peso mosca feminino – (R$ 2,25) Lauren Murphy x Joanne Calderwood (R$ 1,66)

Peso pena – (R$ 1,41) Movsar Evloev x Hakeen Dawodu (R$ 2,90)

PRELIMINARES INICIAIS (a partir das 19h)

Peso galo feminino – (R$ 1,50) Pannie Kianzad x Alexis Davis (R$ 2,60)

Peso leve – (R$ 2,60) Frank Camacho x Matt Frevola (R$ 1,50)

Peso pena – (R$ 1,95) Chase Hooper x Steven Peterson (R$ 1,87)

Peso leve – (R$ 1,71) Fares Ziam x Luigi Vendramini (R$ 2,15)

Peso pesado – (R$ 1,54) Carlos “Boi” x Jake Collier (R$ 2,50)

A seguir, as cotações para apostar em longo prazo nas lutas mais esperadas do UFC para os próximos meses. Os odds também são do Bodog:

UFC 264 (10 de julho, em Las Vegas)

Peso leve – (R$ 1,90) Dustin Poirier x Conor McGregor (R$ 1,90)

UFC 265 (7 de agosto, ainda sem local definido)

Peso galo feminino – (R$ 1,13) Amanda Nunes x Julianna Peña (R$ 5,75)

UFC 266 (4 de setembro, ainda sem local definido)

Peso meio-pesado – (R$ 1,40) Jan Blachowicz x Glover Teixeira (R$ 3,00)

UFC Fight Night (25 de setembro, ainda sem local definido)

Peso meio-pesado – (R$ 1,62) Thiago Marreta x Johnny Walker (R$ 2,30)