Brasileiros disputam 10 cinturões em 4 meses; confira lista

0
194

Começando no próximo sábado, quando Patricio Pitbull coloca em jogo o cinturão do penas do Bellator contra Adam Borics, o Brasil estará presente em disputas de cinturões nos quatro maiores eventos do mundo. Confira abaixo a lista em ordem cronológica

1 de outubro, Long Beach, Califórnia, EUA
BELLATOR 286: Patricio Pitbull vs Adam Borics

Campeão dos penas, Pitbull defende pela segunda vez o título após tê-lo recuperado em revanche contra A.J. McKee em abril deste ano. Antes de perder o cinturão para este americano em julho de 2021, o brasileiro havia mantido o reinado por cinco vezes. No próximo sábado, espera colocar o kickboxing em prática para vencer o húngaro.

21 de outubro, Kuala Lampur, Malásia
ONE: John Lineker vs Fabricio Andrade

Depois de destronar Bibiano Fernandes em março deste ano, John Lineker defende o cinturão pela primeira vez contra o compatriota Fabricio Andrade, e ambos ainda não perderam na organização.

22 de outubro, em Abu Dhabi, Emirados Árabes
UFC 280: Charles do Bronx vs Islam Makhachev

No dia seguinte à disputa no ONE, Charles do Bronx enfrenta Islam Makhachev pelo cinturão vago dos leves, em uma das lutas mais aguardadas do MMA mundial. Charles era o campeão até maio deste ano, quando não bateu o peso e perdeu o cinturão, mesmo finalizando Justin Gaethje. Agora tenta recuperar o título contra o russo, de 22 vitórias e uma derrota (para Adriano Martins).

12 de novembro, em Nova York, EUA
UFC 281: Israel Adesanya vs Alex Poatan

Após vencer Adesanya duas vezes no kickboxing, Poatan tentará repetir o feito no MMA, valendo o cinturão dos médios. Porém, o nigeriano, que já defendeu o título cinco vezes, promete outro tipo de combate e outro resultado, “exorcizando o demônio” brasileiro.

18 de novembro, Chicago, EUA
Bellator 288: Patricky Pitbull vs Usman Nurmagomedov

Em junho de 2016, Patricky Pitbull teve a chance de se tornar campeão dos leves do Bellator, mas perdeu para Michael Chandler. Três anos depois, em maio de 2019, foi “vingado” pelo irmão Patrício, então campeão dos penas que passou a deter os cinturões de ambas categorias. No mesmo ano, Patrício vagou o título, abrindo o espaço para o irmão venceu Peter Queally em novembro de 2021 e se tornar campeão dos leves. O primeiro desafiante será Usman Nurmagomedov, primo de Khabib e invicto em suas 15 lutas.

25 de novembro, local a anunciar
PFL: Larissa Pacheco vs Kayla Harrison & Ante Delija vs Matheus “Buffa” Schefel

Pelo peso leve feminino e pelo peso pesado masculino, o Brasil tem chance de ser campeão de dois torneios do PFL. Larissa Pacheco encara a sensação e invicta Kayla Harrison, enquanto Buffa enfrenta Delija, pupilo de Mirko Crocop.

9 de dezembro, Connecticut, EUA
Bellator 289: Liz Carmouche vs Juliana Velasquez

Carmouche defenderá o cinturão do peso mosca pela primeira vez depois tomá-lo de Juliana em abril deste ano. Brasileira terá revanche imediata, pois a derrota foi muito contestada, tendo sido apontado, pela equipe de Juliana e por muitos fãs de luta, erro do árbitro Mark Beltran, que teria encerrado precocemente o combate interrompendo ground and pound da americana.

10 de dezembro, Las Vegas, EUA
UFC 282: Jiri Prochazka vs Glover Teixeira

Segundo as pontuações dos juízes na luta em junho deste ano, Glover vencia o combate até 4 minutos e 32 segundos do 5º e último round, quando Jiri aplicou mata-leão e tomou o cinturão dos meio-pesados de Teixeira. O UFC então concedeu revanche imediata para o brasileiro de 42 anos

23 de janeiro de 2023, Rio de Janeiro, Brasil
UFC 283: Deiveson Figueiredo vs Brandon Moreno

Deiveson Figueiredo ainda não tem data e local para defesa do cinturão dos moscas, porém para os fãs de luta e imprensa faz sentido que Brandon Moreno seja o próximo desafiante. E, segundo o que vem sendo especulado, o quarto duelo entre os dois pode “puxar” o card da edição de retorno da organização ao Brasil, em 2023.