Faixa-preta da Gracie Barra e revelação da FP Team brilham no BJJ Storm Contest 3

0
125
Caio Gregório (kimono preto) venceu o GP dos médios - Divulgação/BJJ Storm

Realizada no último domingo (29), a terceira edição do BJJ Storm Contest lotou a Arena Hall, em Belo Horizonte, presenteando os fãs com mais um grande show de Jiu-Jitsu. Entre os destaques do evento, o GP dos Médios teve o título do faixa-preta Caio Gregório, que substituiu Sérgio Benini de última hora e levou para casa a premiação de R$ 10 mil.

Já na superluta principal, em um duelo de gerações No-Gi, Gabriel Brod, jovem faixa-preta da FP Team, finalizou o experiente Cristiano “Titi” Lazzarini, da Gracie Barra.

O duelo sem quimono foi um dos pontos altos do show, e segundo Brod, em um dos “melhores campeonatos da sua vida até hoje”, com cerca de 100 pessoas – entre familiares e amigos – acompanhando a vitória do pupilo do multicampeão Felipe Preguiça direto da arena.

“Estou muito feliz com esse triunfo. Eu já acompanhava o Titi antes de vir para Belo Horizonte, e quando ele me desfiou para essa superluta, foi uma honra enorme, um cara que é referência para o Jiu-Jitsu mineiro. (…) Sobre o BJJ Storm Contest, o Cláudio Caloquinha (idealizador do evento) fez um investimento muito legal, tudo profissional, bem feito e espero ser convidado para os próximos”, vibrou Gabriel Brod, que ainda completou:

“Posso dizer que estou preparado para enfrentar qualquer atleta de BH em uma próxima superluta No-Gi no BJJ Storm Contest, de qualquer academia. Treinos com os melhores do mundo na minha opinião, então quem quiser lutar comigo, estarei pronto. Já no cenário nacional, um nome que eu gostaria de enfrentar é o Charles Negromonte, quem sabe essa luta não sai”.

GP dos Médios tem campeão

Caio Gregório (kimono preto) venceu o GP dos médios – Divulgação/BJJ Storm

Principal atração do BJJ Storm Contest 3, o GP dos Médios reuniu oito faixas-preta em dois grupos e contou com boas lutas. Na grande final, Caio Gregório (Gracie Barra) derrotou Luciano Bernert (Atos/Start Doing) por decisão dividida dos árbitros depois de um acirrado confronto, levando para casa o cinturão e os 10 mil reais do prêmio.

Para chegar até o título, Gregório fez um total de quatro lutas, e nas três primeiras, venceu Eduardo Milioli e Adriano Silva por pontos, além de empatar com Sandro Vieira. No outro grupo, Bernert superou Diego Vivaldo nas vantagens, Tiago Rocha por pontos e Alexandre Salgado por finalização, até ser parado pelo campeão Caio.

Nota de esclarecimento

Apesar dos muitos destaques, a terceira edição do BJJ Storm Contest contou com um contratempo em sua transmissão via pay-per-view, que aconteceria em parceria com a plataforma Sympla. E através das redes sociais, a organização se pronunciou:

“Infelizmente, problemas técnicos que estavam fora de nosso controle surgiram uma vez que a Sympla não transmitiu o sinal para o sistema PPV. Tudo foi documentado e tomaremos as medidas cabíveis. Acreditamos que, apesar dos contratempos técnicos que fugiram do nosso escopo, a qualidade do conteúdo apresentado permaneceu intacta e entregamos mais um evento do tamanho que nosso esporte merece. Para minimizar qualquer impacto negativo, decidimos manter a transmissão aberta gratuitamente, permitindo que todos pudessem acompanhar as lutas ao vivo”, diz um trecho da nota.

RESULTADOS:

BJJ Storm Contest 3
Arena Hall, em Belo Horizonte-MG
Domingo, 29 de outubro de 2023

Card principal

– Caio Gregório derrotou Luciano Bernert por decisão dos árbitros (GP – final)

– Gabriel Brod derrotou Cristiano Lazzarini por finalização (superluta No-Gi)

– Fernando Bonfante derrotou Filipe Carmona por pontos (superluta)

– Caio Gregório derrotou Adriano Silva por pontos (Grupo preto GP – 3ª rodada)

– Sandro Vieira derrotou Eduardo Milioli por pontos (Grupo preto GP – 3ª rodada)

– Diego Vivaldo derrotou Tiago Rocha por pontos (Grupo branco GP – 3ª rodada)

– Luciano Bernert derrotou Alexandre Salgado por finalização (Grupo branco GP – 3ª rodada)

– Diogo Almeida derrotou Vinicius Franklin por finalização (superluta)

– Vinicius Almeida derrotou Leandro Nascimento por pontos (superluta)

– Sandro Vieira x Caio Gregório terminou em empate (Grupo preto GP – 2ª rodada)

– Adriano Silva x Eduardo Milioli terminou em empate (Grupo preto GP – 2ª rodada)

– Luciano Bernert derrotou Tiago Rocha por pontos (Grupo branco GP – 2ª rodada)

– Diego Vivaldo derrotou Alexandre Salgado por pontos (Grupo branco GP – 2ª rodada)

– Richard Flood derrotou Leandro Oliveira por pontos (superluta)

– Wilson Bolão derrotou William Carmona por decisão dos árbitros (superluta)

– Adriano Silva x Sandro Vieira terminou em empate (Grupo preto GP – 1ª rodada)

– Caio Gregório derrotou Eduardo Milioli por pontos (Grupo preto GP – 1ª rodada)

– Luciano Bernert derrotou Diego Vivaldo nas vantagens (Grupo branco GP – 1ª rodada)

– Tiago Rocha derrotou Alexandro Salgado por pontos (Grupo branco GP – 1ª rodada)

– Max Oliveira derrotou Leandro Beinroth por finalização (superluta)

– Andrei Alves derrotou Marco Aurélio por pontos (superluta)