Luan Miau vence na luta principal do Spartacus MMA 35

0
150
Luan Miau é erguido por Elizeu Capoeira após a vitória - Marquinhos Santos

Luan Miau emplacou sua segunda vitória consecutiva ao nocautear Maicon Kobaiashi na luta principal do Spartacus MMA 35, realizado no último final de semana na Spartacus Fighting Arena, na capital paulista.

Luan Miau é erguido por Elizeu Capoeira após a vitória – Marquinhos Santos

Ex-campeão do evento internacional Brave CF, Miau precisou de menos de cinco minutos para despachar Kobaiashi. Com o triunfo, o atleta da CMSystem chega a um cartel de 19 vitórias – 14 por nocaute – e sete derrotas.

“Toda honra e toda glória a seja dada a ele! Quero agradecer à minha equipe CMSystem, ao meu treinador Cristiano Marcello e aos meus parceiros de treino por me dar esse suporte e deixar o monstro dentro de mim sair”, comemorou Miau.

“Quero agradecer minha gatinha Carly por estar junto comigo e me aguentar. Te amo meu amor! Obrigado às minhas irmãs e à minha mãe por estarem me acompanhando e estarem juntos nessa minha caminhada”, completou.

Outro destaque do card foi Michel Pânico, que superou Rogério Garotão por decisão unânime após três rounds de disputa. Com o novo triunfo, Pânico anota agora um cartel de 18 vitórias e apenas cinco reveses.

Parceira de equipe de Luan Miau, Daniela Antonelli venceu Lailane Mota por decisão unânime na luta feminina do card. Conhecida como “Mão de Geladeira”, a atleta da CMSystem chega a três vitórias em quatro lutas.

Confira abaixo todos os resultados:

Spartacus MMA 35
Spartacus Fighting Arena, São Paulo, SP
1º de abril de 2023

Luan Miau venceu Maicon Kobaiashi por nocaute no R1
Michel Pânico venceu Rogério Garotao por decisão unânime
Daniela Antonelli venceu Lailane Mota por decisão unânime
Gustavo Henrique venceu Alan Monteiro por decisão unânime
Matheus Terra venceu Gabriel Romano por finalização no R1
Arnaldo Moska venceu Michael de Araújo por nocaute no R1
Ronny de Souza venceu Sérgio Júnior por decisão dividida
Emerson Apache venceu Antônio Marcos Chagas por nocaute técnico