Shooto 121: Giulliany Perea conquista o cinturão peso-átomo

0
102
Giu Perea conquistou o título do Shooto Brasil - Marcell Fagundes

No último sábado, o Shooto Brasil inaugurou sua temporada de eventos com a edição 121, que ficará marcada pela conquista do cinturão peso-átomo por parte da atleta Giulliany Perea. Em uma exibição de pleno domínio das ações, “Giu” enfrentou a desafiante mineira Lawanda Dornelas em um confronto que não deixou dúvidas sobre quem dominou o octógono.

Giu Perea conquistou o título do Shooto Brasil – Marcell Fagundes

Desde o início do embate, ficou claro que Giulliany Perea estava determinada a deixar sua marca. Com uma combinação de técnica e agressividade, a atleta não encontrou dificuldades para impor seu jogo sobre a oponente. No segundo round, uma queda seguida de uma sequência avassaladora de golpes forçou o árbitro a interromper a luta, garantindo assim a vitória e o título de campeã peso-átomo da organização para Giu.

Além do confronto principal, o evento também apresentou outros embates que mantiveram os espectadores na ponta de seus assentos. Destaque para a batalha equilibrada de três rounds entre Lenno Rodrigo e Adriano Oliveira, que terminou em um empate após uma exibição aguerrida por parte de ambos os competidores.

Outros momentos de destaque incluíram a impressionante vitória de Junior Luiz, que, em sua volta ao cage do Shooto Brasil, adicionou mais um nocaute à sua carreira ao mandar o experiente Jonas Cyborg para a linda no segundo round; e as vitórias por nocaute técnico de Lucas Caldas e Tatiane Porfirio sobre seus respectivos adversários, Lucas Ramos e Carol Ker.

Shooto Brasil 121
Upper Arena, Rio de Janeiro-RJ
29 de março de 2024

Ronald Dias Alves venceu Lucas Gutierre Alves por nocaute no primeiro round

Luan Felipe Rodrigues finalizou Jomy Salvador Nganga por mata leão no primeiro round

Wallace Albuquerque venceu Thales Donner Carvalho por decisão unânime

Edilson Borges De Lima venceu Gabriel Dos Santos Brito por nocaute no primeiro round

Tatiane Aguiar Porfìrio venceu Carolina Clara Gonçalves por nocaute técnico no terceiro round

Leandro De Mesquita Silva venceu Heimo Carvalho Pinto por decisão unânime

Sirnande Braga Dos Santos venceu Alexandre Guerra por nocaute técnico no primeiro round

Lucas Cunha Caldas venceu Lucas Leandro Ramos por nocaute técnico no primeiro round

Luiz Cesar Da Silva Júnior venceu Jonas Carlos Gomes por nocaute técnico no segundo round

Italo Gomes venceu Damian Pinas por desclassificação por golpe ilegal (pedalada)

Luan Pedrosa Soares venceu Lucas Sousa Da Silva por nocaute técnico no primeiro round

Klinger Pinheiro venceu Ronaldo Moreira no primeiro round por nocaute técnico

Juscelino Bonifácio venceu Clècio Gomes Da Silva por decisão dividida

Leno Rodrigo Pinheiro e Aridriano Carvalho empataram o combate após 3 rounds

Giuliany Singred Oliveira venceu Lawanda Abadia Dornelas por nocaute técnico no segundo round