UFC 255: como lucrar com Deiveson e Shogun nas casas de apostas

O UFC 255 terá três brasileiros no card principal – e dois deles já garantiram seu lugar na história do MMA. Atual campeão do peso mosca, Deiveson Figueiredo defenderá o título, enquanto o veteraníssimo Maurício “Shogun” Rua volta ao octógono para fortalecer ainda mais seu legado. O Brasil também será representado por Jennifer Maia, que ainda busca a consagração no UFC, disputando o cinturão do peso mosca com Valentina Shevchenko.

O evento deste sábado (21), em Las Vegas, promete não só grandes lutas, mas também ótimas oportunidades de lucro nas casas de apostas esportivas. E Deiveson e Shogun têm cotações bem diferentes, refletindo os momentos distintos de suas respectivas carreiras. O campeão dos moscas é favorito em seu duelo com Alex Perez; já Shogun, ex-detentor do cinturão meio-pesado, corre por fora em seu combate contra o favorito Paul Craig.

As cotações que apresentaremos a seguir são do Bodog, um dos principais sites do ramo, e vale sempre lembrar que apontar o vencedor de cada luta não é a única opção de lucro à disposição dos apostadores. Para quem curte palpites mais elaborados e desafiadores, é possível, por exemplo, tentar prever qual será o método de vitória (nocaute, finalização ou pontos) ou cravar quantos rounds uma luta deverá durar, independente do ganhador.

É importante ficar de olho também nas chances de faturar com os azarões. É claro que um favorito sempre será a alternativa mais segura de aposta, pois as cotações são calculadas de acordo com retrospecto, momento atual e pontos fortes de cada atleta. Mas o MMA já teve grandes surpresas e vale prestar atenção nas chances dos atletas que podem ter sido subestimados pelas casas de apostas – e, com isso, conseguir lucros ainda maiores.

Peso mosca – (R$ 1,32) Deiveson Figueiredo x Alex Perez (R$ 3,40)

Com quatro vitórias seguidas, Deiveson aparece muito bem cotado pelos sites de apostas esportivas. Apostar na defesa do cinturão pode proporcionar um lucro de 32%, ou seja, R$ 1,32 para cada 1 investido. O desafiante, o americano Alex Perez, de 28 anos, vem de três triunfos em sequência, sendo que sua última vítima foi outro brasileiro, Jussier Formiga, um nocaute no primeiro round. O currículo de Perez, contudo, não chega a impressionar.

Além do palpite na vitória de Deiveson, outra boa possibilidade de lucro é uma aposta no triunfo brasileiro por nocaute ou finalização. Essa aposta viabiliza retorno ainda maior, de R$ 1,44 para 1. Lembrando que o campeão não precisou de mais do que dois rounds em suas últimas três vitórias (finalização sobre Joseph Benavidez no primeiro assalto, nocaute sobre Benavidez no segundo round e finalização sobre Tim Elliott no primeiro assalto).

Peso meio-pesado – (R$ 2,45) Maurício Shogun x Paul Craig (R$ 1,57)

Mesmo com todo o prestígio do lendário Shogun, as casas de apostas esportivas colocam em dúvida a chance de sucesso do brasileiro contra o escocês Craig, de 32 anos. Trata-se de um reencontro, já que Shogun e Craig mediram forças pela primeira vez em novembro do ano passado, em São Paulo, e empataram nas papeletas dos jurados. Desde então, os dois venceram uma luta cada (Shogun bateu Rogério Minotouro por decisão dividida).

Aos 38 anos, Shogun já não tem a mesma condição física, mas seu poder de nocaute ainda merece respeito. É por isso que um palpite na vitória brasileira pode ser bom negócio, até porque o retorno é muito interessante, R$ 2,45 para 1. Quem acreditar na chance de uma finalização ou nocaute pode faturar ainda mais: vitória de Shogun por uma dessas formas proporciona excelente lucro de R$ 4,50 para 1 (triunfo por pontos paga R$ 4,00 para 1).

Peso meio-médio – (R$ 1,66) Mike Perry x Tim Means (R$ 2,20)

Outra luta digna de nota no card principal coloca frente a frente os americanos Mike Perry e Tim Means, que vêm de boas vitórias no Ultimate. Perry é mais jovem (29 anos) e vem de um desafio mais difícil (bateu Mickey Gall no UFC Fight Night de junho). Isso explica seu favoritismo nos odds, pagando R$ 1,66 para 1 se vencer. Means, de 36 anos, aposta na sua experiência, exibida no triunfo recente sobre o argentino Laureano Staropoli.

Confira todos os combates e as cotações para o UFC deste sábado (21/11), no UFC Apex, em Las Vegas, Estados Unidos:

CARD PRINCIPAL (a partir de 0h, horário de Brasília)

Peso mosca – (R$ 1,32) Deiveson Figueiredox Alex Perez (R$ 3,40)

Peso mosca – (R$ 1,07) Valentina Shevchenko x Jennifer Maia(R$ 8,50)

Peso meio-médio – (R$ 1,66) Mike Perry x Tim Means (R$ 2,20)

Peso mosca – (R$ 3,05) Katlyn Chookagian x Cynthia Calvillo (R$ 1,37)

Peso meio-pesado – (R$ 2,45) Maurício Shogunx Paul Craig (R$ 1,57)

CARD PRELIMINAR (a partir das 20h30, horário de Brasília)

Peso mosca – (R$ 1,52) Brandon Moreno x Brandon Royval (R$ 2,55)

Peso médio – (R$ 1,37) Joaquin Buckley x Jordan Wright (R$ 3,05)

Peso mosca – (R$ 1,62) Antonina Shevchenko x Ariane Lipski(R$ 2,30)

Peso meio-médio – (R$ 1,30) Daniel Rodriguez x Nicolas Dalby (R$ 3,50)

Peso meio-médio – (R$ 1,66) Alan Jouban x Jared Gooden (R$ 2,20)

Peso médio – (R$ 1,32) Kyle Daukaus x Dustin Stoltzfus (R$ 3,40)

Peso meio-médio – (R$ 1,25) Louis Cosce x Sasha Palatnikov (R$ 4,00