UFC 256: confira as cotações de Charles do Bronx, Jacaré e Cigano

Além de Deiveson Figueiredo, que defenderá o cinturão do peso mosca contra Brandon Moreno, outros três nomes importantes do MMA brasileiro estarão em ação no UFC 256, neste sábado (12), em Las Vegas. E se Deiveson é o amplo favorito nas casas de apostas esportivas, Charles do Bronx, Ronaldo Jacaré e Júnior Cigano têm combates muito mais complicados, todos eles contra oponentes com boas cotações. 

Entre esses três atletas, só mesmo Jacaré, que enfrenta Kevin Holland, leva vantagem nos odds, e mesmo assim com uma margem mínima, quase um empate técnico. Do Bronx, que pega o fortíssimo Tony Ferguson, corre por fora, assim como o ex-campeão Cigano, escalado para duelar com o invicto Ciryl Gane. A seguir, a gente mostra todas as cotações e quais são os lucros que você pode obter apostando nos brasileiros.

Vale lembrar que fazer um palpite em um atleta que está em baixa conforme as chances calculadas pelos sites de apostas esportivas pode ser um bom negócio caso você acredite no potencial desse lutador. Isso porque ele oferece a possibilidade de faturar muito mais, com retornos bem mais atraentes. Os odds que mostraremos logo abaixo, fornecidos pelo Odds Shark, são do Bodog, um dos principais sites do ramo. 

Peso leve – (R$ 1,58) Tony Ferguson x Charles do Bronx (R$ 2,40)

Com a aposentadoria de Khabib Nurmagomedov, o cinturão dos leves vai ficar sem dono, e tanto Ferguson como Do Bronx sonham com o título. No ranking do UFC, a vantagem é do americano, terceiro colocado, enquanto o brasileiro está em sétimo. Vencer em Vegas deixaria Charles bem mais perto de um title shot, mas não será fácil – basta ver os odds do combate nas casas de apostas, que favorecem Ferguson.

Com 26 vitórias e 4 derrotas, o americano renderá um lucro de R$ 1,58 para 1 se vencer. O brasileiro, com 29 vitórias e 8 derrotas, paga R$ 2,40 para 1 no Bodog – ou seja, você pode mais do que dobrar seu investimento se acreditar em Charles. Ferguson vem de derrota para Justin Gaethje, enquanto Do Bronx construiu uma sequência de sete vitórias seguidas – o que mostra que um triunfo brasileiro não seria nenhuma surpresa.

Em todas essas sete vitórias, Charles finalizou ou nocauteou. Por sinal, ele não decide uma luta por pontos desde 2014. Com esse retrospecto, vale a pena ficar de olho nas chances de uma ganhador dentro dos três rounds, sem chegar às papeletas dos jurados. Nessa hipótese, o lucro seria de R$ 1,47 para 1, qualquer que seja o vencedor. Se você apostar em vitória de Charles por nocaute ou finalização, o lucro pode ser de R$ 3,20 para 1.

Peso médio – (R$ 1,83) Ronaldo “Jacaré” Souza x Kevin Holland (R$ 1,90)

A lenda brasileira do jiu-jitsu tem uma encrenca pela frente: Jacaré pega um americano de 28 anos, com quatro vitórias em sequência. Se Holland vive bom momento, o mesmo não pode ser dito do brasileiro, que aos 40 anos vem de duas derrotas seguidas. Mesmo com o retrospecto recente decepcionante, Jacaré tem uma boa cotação nas casas de apostas: se vencer, ele proporciona lucro de R$ 1,83 para 1. Holland paga R$ 1,90 para 1.

Jacaré não consegue nocautear ou finalizar desde 2018, quando apagou Chris Weidman em Nova York. Suas derrotas para Jan Blachowicz e Jack Hermansson foram por decisão. E apostar em mais um combate de Jacaré decidido pelos jurados pode render R$ 1,95 para 1. Mas se você acha que o veterano brasileiro vai mostrar toda a qualidade de sua luta agarrada e finalizar o americano, pode lucrar ainda mais: R$ 2,70 para 1.

Peso pesado – (R$ 4,25) Júnior Cigano x Ciryl Gane (R$ 1,22)

O ex-campeão dos pesados vem de três derrotas seguidas, para Jairzinho Rozenstruik, Curtis Blaydes e Francis Ngannou, todas elas por nocaute. Isso explica a cotação ruim de Cigano para o duelo com o francês Gane: R$ 4,25 para 1 no Bodog. Já o oponente, que soma seis vitórias em seis combates profissionais, é um dos grandes favoritos da noite, pagando R$ 1,22 para 1. Uma nova derrota por nocaute de Cigano proporciona lucro de R$ 1,74 para 1. Já um triunfo por nocaute de Cigano paga nada menos que R$ 7,50 para 1.

Confira todos os combates e as cotações do Bodog para o UFC deste sábado (12/12), no UFC Apex, em Las Vegas, Estados Unidos (em negrito, os representantes do Brasil):

CARD PRINCIPAL (a partir de 0h, horário de Brasília) 

Peso mosca – (R$ 1,30) Deiveson Figueiredo x Brandon Moreno (R$ 3,50)

Peso leve – (R$ 1,58) Tony Ferguson x Charles “do Bronx” Oliveira (R$ 2,40)

Peso palha – (R$ 1,52) Mackenzie Dern x Virna Jandiroba (R$ 2,55)

Peso médio – (R$ 1,83) Ronaldo “Jacaré” Souza x Kevin Holland (R$ 1,90)

Peso pesado – (R$ 4,25) Júnior “Cigano” dos Santos x Ciryl Gane (R$ 1,22)

CARD PRELIMINAR (a partir das 20h30, horário de Brasília)

Peso pena – (R$ 2,30) Cub Swanson x Daniel Pineda (R$ 1,62)

Peso leve – (R$ 2,30) Renato “Moicano” Carneiro x Rafael Fiziev (R$ 1,62)

Peso pena – (R$ 2,30) Gavin Tucker x Billy Quarantillo (R$ 1,62)

Peso palha – (R$ 1,30) Tecia Torres x Sam Hughes (R$ 3,50)

Peso pesado – (R$ 1,41) Sergey Spivak x Jared Vanderaa (R$ 2,90)

Peso pena – (R$ 1,25) Chase Hooper x Peter Barrett (R$ 4,00)