Vídeo: assista aos melhores momentos das vitórias de Jiri Prochazka, Luana Dread, Luana Pinheiro e Felipe Cabocão

Realizado no sábado, o UFC desse final de semana solidificou Jiri Prochazka como um potencial desafiante ao cinturão dos meio-pesados da organização, que por agora será disputado pelo atual campeão, Jan Blachowicz, e o brasileiro Glover Teixeira no dia 4 de setembro. 

O theco teve pela frente em sua segunda luta pela companhia o ex-desafiante Dominick Reyes – para muitos, aquele que mais levou perigo a Jon Jones. A luta terminou com uma cinematográfica cotovelada giratória da nova sensação do Ultimate no segundo round. 

O Brasil contou com três representantes no card. Na luta de abertura, o peso-pena Felipe Cabocão se recuperou da derrota que havia sofrido em sua última luta – para Montel Jackson em janeiro do ano passado – ao vencer o experiente Luke Sanders por decisão unânime.

Por falar em vitória sobre atleta experiente, a estreante Luana Pinheiro teve o braço levantado contra a veterana Randa Markos pela divisão dos palhas. Entretanto, não foi da forma que ela esperava. O triunfo veio com a desclassificação da adversária, que lhe acertou um proibido chute na cabeça enquanto ela estava de joelho. 

No duelo 100% brasileiro do card, válido pelos pesos-moscas, a paulista Luana Dread levou a melhor sobre a mineira de Muriaé Poliana Botelho em uma disputadíssima decisão dividida. Enquanto Dread se recupera da derrota para ariane Lipski, Botelho amarga o terceiro revés em quatro lutas.

Confira os resultados:

UFC On ESPN

Las Vegas, EUA

1 de maio de 2021

Jiri Prochazka venceu Dominick Reyes por nocaute no R2

Giga Chikadze venceu Cub Swanson por nocaute técnico no R1

Ion Cutelaba x Dustin Jacoby foi declarada empate dividido

Sean Strickland venceu Krzystof Jotko por decisão unânime

Merab Dvalishvili venceu Cody Stamann por decisão unânime

Luana Pinheiro venceu Randa Markos por desclassificação (chute ilegal) no R1

T.J. Brown venceu Kai Kamaka por decisão dividida

Luana Dread venceu Poliana Botelho por decisão dividida

Loma Lookboonmee venceu Sam Hughes por decisão unânime

Andreas Michailidis venceu KB Bhullar por decisão unânime

Felipe Cabocão venceu Luke Sanders por decisão unânime