Vídeo: o triângulo que consolidou Khabib Nurmagomedov no hall dos melhores de todos os tempos

ABU DHABI, UNITED ARAB EMIRATES - OCTOBER 25: (L-R) Khabib Nurmagomedov of Russia celebrates his victory over Justin Gaethje in their lightweight title bout during the UFC 254 event on October 25, 2020 on UFC Fight Island, Abu Dhabi, United Arab Emirates. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)

Khabib Nurmagomedov ignorou o poder das mãos de Justin Gaethje e seu passado de all american, colocou a pressão que lhe é de costume e, no segundo round, com um triângulo inapelável, botou o desafiante para dormir – graças à falha do árbitro central que não viu o americano dar os três tapinhas. 

O palco do UFC 254, realizada na Ilha da Luta, em Abu Dhabi, também ficou marcado pelo anúncio da aposentadoria do russo, que não vê sentido em seguir lutando sem o pai no seu córner. Mentor de Khabib, Abdulmanap Nurmagomedov faleceu no início de julho vítima de complicações do covid-19. 

Campeão absoluto dos pesos leves, Khabib Nurmagomedov pendura as luvas com números irretocáveis. Em 12 anos de carreira, foram 29 vitórias em 19 lutas, 13 delas no UFC, além de três defesas de cinturão na maior organização de MMA do mundo. Para muitos, o russo para sendo o maior de todos os tempos.   

Ainda no UFC 254, uma luta entre pesos médios pode ter bagunçado o bolo de cima da divisão. Ex-campeão da categoria, Robert Whittaker, que perdeu o título justamente para Israel Adesanya, levou a melhor sobre Jared Canonier, por decisão unânime, em uma luta bastante disputada. 

Único brasileiro do card, o peso meio-médio Alex Cowboy não conseguiu emplacar a terceira vitória consecutiva no UFC. O fluminense de Três Rios foi parado por uma guilhotina do cazaque Shavkat Rakhnomov, que fazia sua estreia na organização, no final do primeiro round. 

UFC 254

Ilha da Luta, Abu Dhabi

24 de outubro de 2020

Khabib Nurmagomedov finalizou Justin Gaethje com um triângulo no R2

Robert Whittaker venceu Jared Cannonier por decisão unânime

Alexander Volkov venceu Walt Harris por nocaute técnico no R2

Phil Hawes venceu Jacob Malkoun por nocaute no R1

Lauren Murphy finalizou Liliya Shakirova com um mata-leão no R2

Magomed Ankalaev venceu Ion Cutelaba por nocaute técnico no R1

Tai Tuivasa venceu Stefan Struve por nocaute no R1

Casey Kenney venceu Nathaniel Wood por decisão unânime

Shavkat Rakhmonov finalizou Alex Cowboy com uma guilhotina no R1

Sam Alvey e Da Un Jung empataram por decisão dividida

Miranda Maverick venceu Liana Jojua por nocaute técnico no R1

Joel Alvarez finalizou Alexander Yakovlev com um armlock no R1