Abu Dhabi World Pro de Jiu Jitsu tem finais definidas

0
213
Fellipe Andrew comemora vaga na final do Abu Dhabi World Pro 2023 após finalizar Catriel Fernandes - Divulgação

O Abu Dhabi World Pro de Jiu Jitsu teve a definição dos finalistas do torneio nesta quinta-feira, 9. No masculino, os brasileiros atuais campeões Meyram Alves, Raimundo Sodré e Lucas Protásio confirmaram o favoritismo com atuações seguras e conquistaram vaga na decisão, que acontece nesta sexta, 10, na Mubadala Arena, em Abu Dhabi. Já Fellipe Andrew precisou ir no seu limite para superar Catriel Fernandes na semifinal e e manter vivo o sonho do bicampeonato. O atleta da ADMA/Alliance encaixou um triângulo no minuto final, quando estava atrás do placar, e finalizou o adversário no braço.

Fellipe Andrew comemora vaga na final do Abu Dhabi World Pro 2023 após finalizar Catriel Fernandes – Divulgação

Outros destaques foram Uanderson Ferreira e Felipe Bezerra. O primeiro garantiu o lugar na final da categoria até 85kg após uma finalização incrível contra o pupilo inglês de Roger Gracie Faris Ben-Lamkadem, logo no início da luta. O carioca conseguiu derrubar o rival com um lindo harai goshi, e finalizou na sequência com uma chave de braço impiedosa. Já o peso-pesadíssimo teve mais trabalho. Bezerra precisou superar o atual campeão da categoria até 120kg, Yatan Bueno, em uma luta muito equilibrada, decidida na decisão dos árbitros após o empate. Yatan, por sua vez, ficou com o bronze após vencer a repescagem horas depois.

A maior supresa do dia ficou por conta da eliminação precoce da estrela Thalison Soares, que perdeu nas quartas de final para o compatriota Yuri Hendrix e ficou com o bronze na repescagem. Já o atleta da Cícero Costha demonstrou um jogo de guarda muito consistente e garantiu vaga na final contra o árabe Zayed Alkatheeri, atual campeão da categoria até 56kg, em um duelo que promete estremecer a Mubadala Arena.

Entre as mulheres, o favoritismo também prevaleceu. As brasileiras Ana Rodrigues, Júlia Alves e Gabrieli Pessanha não cederam à pressão de serem as atuais campeãs e tiveram atuações sem sustos. Elas terão a chance de defender os seus cinturões contra a americana Alexa Yanes, a búlgara Violeta Angelova e a compatriota Yara Nascimento, respectivamente.

No entanto, o destaque ficou com a pequena gigante Mayssa Bastos. A brasileira manteve a mesma consistência apresentada no dia anterior, na seletiva nacional, e venceu três adversárias até garantir sua vaga na final. Entre elas, a atual campeã Brenda Larissa, que ficou com o bronze após repescagem. Sua adversária nesta sexta-feira, 10, será a filipina Margarita Ochoa, que foi vice-campeã em 2022. A outra finalista brasileira é Ingridd Souza, medalhista de bronze na última edição, que terá que superar a britânica Nia Blackman para subir no lugar mais alto do pódio.

As finais do Abu Dhabi World Pro 2023 de Jiu Jitsu serão realizadas nesta sexta-feira, 10, a partir das 11h ( de Brasília), com transmissão ao vivo e gratuita do canal TX7 (tx7.ae). As chaves completas podem ser acessadas no site do evento (ajptour.com/pt_BR/event/719).

FINAIS MASCULINAS FAIXA PRETA

56kg – Yuri Hendrix (Brasil) x Zayed Alkatheeri (Emirados Árabes Unidos)

62kg – Meyram Maquiné (Brasil) x Khaled Mohammed

69kg – Raimundo Sodré (Brasil) x Sebastian Serpa (EUA)

77kg – Lucas Protásio (Brasil) x Pedro Ramalho (Portugal)

85kg – Uanderson Ferreira (Brasil) x Bruno Lima (Portugal)

94kg – Fellipe Andrew (Brasil) x Renan Cruz (EUA)

120kg – Felipe Bezerra (Brasil) x Anton Seleznev (Rússia)

FINAIS FEMININAS FAIXA MARROM/PRETA

49kg – Mayssa Bastos (Brasil) x Margarita Ochoa (Filipinas)

55kg – Ana Rodrigues (Brasil) x Alexa Yanes (EUA)

62kg – Júlia Alves (Brasil) x Violeta Angelova (Bulgária)

70kg – Ingridd Souza (Brasil) x Nia Blackman (Reino Unido)

95kg – Gabrieli Pessanha (Brasil) x Yara Nascimento (Brasil)