Borrachinha publica imagens da cirurgia e promete urinar na jaqueta da USADA

0
198

Quando Renzo Gracie disse com exclusividade na semana passada no Conexão PVT que Paulo “Borrachinha” Costa estava hospedado em seu apartamento em Abu Dhabi e que teria passado por uma pequena cirurgia no cotovelo, mas já teria voltado aos treinos, o mundo do MMA aguardou ansioso alguma notícia oficial do próprio lutador. Afinal a tão aguardada luta com Khamzat Chimaev no UFC 294 estaria ameaçada? Pois nesta segunda-feira, Costa acabou com o suspense publicando em seu instagram uma série de fotos do seu cotovelo.

“Quão forte você é? Você nunca sabe realmente até ser testado pelo fogo. Fiz uma cirurgia há 3 semanas, 10 pontos ao todo. Mas sei o quanto sou duro e continuo me aprimorando e me superando. Isso não me impede. Ainda fazendo minhas coisas, sparrings e tudo mais. Eu sou tão abençoado. Deus me dá condições excepcionais e me cerca de gente grande”, legendou Borrachinha.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Paulo Costa (@borrachinhamma)

Além de imagens detalhadas da lesão e de fotos no hospital, Paulo Borrachinha tranquilizou os fãs compartilhando imagens em que aparece com o braço completamente esticado, além de vídeos em que aparece praticando em sessões de sparring aparentemente sem limitações.

No último final de semana, o brasileiro já havia usado suas redes sociais para criticar o que ele considera uma perseguição por parte da USADA. Atleta mais testado em 2023, com 33 testes antidoping, Paulo revelou de forma irônica seu plano de “mijar” na jaqueta comemorativa da USADA entregue aos atletas que passam por 50 testes da entidade.

“Quando eles trouxerem aquela jaqueta feia para mim, eu vou mijar nela“, escreveu Borrachinha em seu “X”. Pelos registros no site da entidade, o brasileiro já foi testado 135 vezes (urina + sangue) em sete anos .

Paulo Borrachinha retorna ao octógono após mais de um ano afastado por conta de um imbróglio contratual com o Ultimate. Sexto colocado no ranking do peso médio (até 83,9kg), o brasileiro enfrenta o fenômeno emiradense Khamzat Chimaev na luta co-principal do UFC 294, no dia 21 de outubro, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.