Brasileiro de jiu-jitsu: Geração UPP aumenta coleção de medalhas, mas destaca conquista maior

0
75
Delegação voltou de São Paulo com medalhas e experiência - Divulgação

Pela sétima edição seguida, os alunos do projeto social Geração UPP participaram do principal campeonato de jiu-jitsu do continente, o Campeonato Brasileiro da Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu (CBJJ), realizado no último final de semana, no município paulista de Barueri.

Delegação voltou de São Paulo com medalhas e experiência – Divulgação

Ao todo, os jovens de comunidades cariocas entre 7 e 17 anos conquistaram 31 pódios, com oito medalhas de ouro, 5 de prata, 16 de bronze e duas de participação. Somando-se às participações anteriores, o projeto liderado por policiais militares do Rio de Janeiro agora detém 334 medalhas, 81 delas de ouro.

Apesar desses números sólidos, as medalhas estão longe de ser a conquista mais importante do projeto fundado em 2009. Desde o início, o objetivo da ação é ajudar na melhora social das comunidades cariocas através da filosofia das artes marciais, utilizando o sucesso dos alunos para impactar a família e a vizinhança.

“Os números chamam a atenção, mas nossa maior felicidade é ver esses jovens unidos e alegres por poderem viajar e participar de um evento desse porte. Muitos sequer já tinham saído da cidade, então é um grande acontecimento. Essa experiência é mais importante do que qualquer medalha”, destacou o coordenador do projeto, o faixa-preta cabo PM Thiago Diorgenes.

“E o objetivo principal é ainda maior. A gente trabalha para formar bons cidadãos, bons filhos, bons profissionais, independentemente da profissão que cada um vai escolher no futuro. Nossa maior medalha de ouro é quando o pai chega para a gente e agradece por ter ajudado a transformar a vida do filho. Nosso troféu é vê-los seguir os valores do jiu-jitsu já na vida adulta”, completou Diorgenes.

A delegação deste ano foi formada por 67 atletas, 10 policiais instrutores, pais de alunos e voluntários. As comunidades representadas foram: Providência, Manguinhos, Barreira do Vasco, Adeus Baiana, Rocinha, Turano, Formiga, Mangueira, Borel, Macaco, Cidade de Deus e Batan.

A viagem a Barueri contou com total incentivo da Secretaria de Estado da Polícia Militar em três ônibus cedidos pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer, além da tradicional parceria e patrocínio da Legião da Boa Vontade e Super Rádio Brasil 940 AM, que disponibilizaram almoço e quimonos para os atletas, Prime Esportes, Boomboxe e Tintas Nacional.

A equipe contou ainda com o apoio do 5º BAEP da Polícia Militar do Estado de São Paulo, que gentilmente cedeu as instalações de cozinha para confecção do lanche de toda a equipe, bem como alojamento para as duas policiais militares femininas da Assessoria de Proximidade que compunham a delegação.