Jon Jones finaliza Gané e faz história; Alexa Grasso finaliza Shevchenko e quebra a banca

0
203

Jon Jones é o novo campeão peso pesado do UFC. O ex-campeão dos meio-pesados precisou da metade do primeiro round para grampear Ciryl Gané e definir com uma guilhotina na luta principal do UFC 285, realizado nesta madrugada, em Las Vegas.

Marcelo Alonso e Luciano Macarrão comentaram os destaques do evento:

O peso-mosca feminino tem uma nova rainha. Alexa Grasso, que perdia para Valentina Shevchenko até o minuto final do quarto round, aproveitou uma bobeira da então campeã para pegar as coisas, encaixar um mata-leão e quebrar a banca.

Em luta válida pela mesma divisão, a brasileira Amanda Ribas venceu a compatriota Viviane Araújo numa verdadeira batalha. Após perder o primeiro round, a mineira se recuperou e foi superior nos dois seguintes, confirmando o triunfo por decisão unânime.

A outra brasileira do card, Tabatha Ricci finalizou a experiente Jessica Penne com um lindo armlock no segundo round. Quem também finalizou foi o cazaque Shavkat Rakhmonov, que despachou Geoff Neal com um estrangulamento de pé.

Grande nome do wrestling, Bo Nickal estreou no UFC finalizando Jamie Pickett com um katagatame em um monólogo que durou menos de três minutos. Ex-campeão dos galos, Cody Garbrandt venceu Trevin Jones por decisão unânime.

UFC 285
Las Vegas, EUA
4 de março de 2023

Alexa Grasso venceu Valentina Shevchenko por finalização aos 4min34s do R4
Shavkat Rakhmonov venceu Geoff Neal por finalização aos 4min17s do R3
Mateusz Gamrot venceu Jalin Turner por decisão dividida (29-28, 28-29 e 30-27)
Bo Nickal venceu Jamie Pickett por finalização aos 2min54s do R1
Cody Garbrandt venceu Trevin Jones por decisão unânime (triplo 29-28)
Dricus Du Plessis venceu Derek Brunson por nocaute técnico aos 4min59s do R2
Amanda Ribas venceu Vivi Araújo por decisão unânime (29-27, 30-26 e 30-27)
Marc-André Barriault venceu Julian Marquez por nocaute técnico aos 4min12s do R2
Ian Machado Garry venceu Song Kenan por nocaute técnico aos 4min22s do R3
Cameron Saaiman venceu Mana Martinez por decisão majoritária (29-26, 28-27 e 28-28)
Tabatha Ricci venceu Jessica Penne por finalização aos 2min14s do R2
Farid Basharat venceu Da’Mon Blackshear por decisão unânime (triplo 29-28)
Loik Radzhabov venceu Esteban Ribovics por decisão unânime (triplo 29-28)