Patrício Pitbull destrincha as principais lutas do UFC 263

adesanya

Após o fim do UFC 263, Patrício Pitbull participou de mais uma edição do Depois do gongo e analisou o evento com Marcelo Alonso. A edição também contou com conversas sobre Charles do Bronx, Paulo Borrachinha e a perda de cinturão de Douglas Lima no Belllator.

O UFC 263 realizado ontem, dia 13 de junho, no Arizona, contou com duas disputas de cinturão e quatro brasileiros no evento.

Na primeira luta do card preliminar, Carlos “Boi” Felipe venceu o americano Jake Collier por decisão dividida dos juízes. O brasileiro chega a sua terceira vitória seguida na organização.

Ainda no card preliminar, o brasileiro Luigi Vendramini enfrentou o francês Fares Ziam. A luta, que também foi para a decisão dos juízes, teve como resultado a vitória de Ziam por decisão majoritária.

Já no card principal, Demian Maia enfrentou o americano Belal Muhammad e foi derrotado por decisão unânime dos juízes.

No co-evento principal, o brasileiro Deiveson “Deus da Guerra” Figueiredo enfrentou o mexicano Brandon Moreno. A luta, que seria uma revanche para ambos após a primeira luta ter terminado em empate, foi também uma disputa de cinturão da categoria peso mosca. No terceiro round o mexicano conseguiu aplicar um mata-leão em Deiveson e se sagrou o novo campeão da categoria.

Na luta principal da noite, a disputa de cinturão foi pela categoria de peso médio entre o campeão, o nigeriano Israel Adesanya, contra o desafiante, o italiano Marvin Vettori. A luta que durou os 5 rounds foi para a decisão dando a vitória para Adesanya. É a terceira defesa de cinturão do lutador após conseguir unificar o cinturão após a vitória sobre Robert Whittaker.

Resultados oficiais do evento:

CARD PRINCIPAL
Israel Adesanya venceu Marvin Vettori por decisão unânime (triplo 50-45)
Brandon Moreno venceu Deiveson Figueiredo por finalização aos 2m26s do R3
Leon Edwards venceu Nate Diaz por decisão unânime (triplo 49-46)
Belal Muhammad venceu Demian Maia por decisão unânime (30-27, 29-28 e 29-28)
Paul Craig venceu Jamahal Hill por nocaute técnico a 1m59s do R1

CARD PRELIMINAR
Brad Riddell venceu Drew Dober por decisão unânime (triplo 29-28)
Eryk Anders venceu Darren Stewart por decisão unânime (29-28, 29-27 e 29-27)
Lauren Murphy venceu Joanne Calderwood por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
Movsar Evloev venceu Hakeem Dawodu por decisão unânime (triplo 29-27)
Pannie Kianzad venceu Alexis Davis por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
Terrance McKinney venceu Matt Frevola por nocaute aos 7s do R1
Steven Peterson venceu Chase Hooper por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
Fares Ziam venceu Luigi Vendramini por decisão majoritária (29-28, 29-28 e 28-28)
Carlos Boi venceu Jake Collier por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)