Sergipano pede vaga no UFC Vegas visando ao cinturão: “Quero ser o 1º campeão vindo do Contender Series”

0
194
Sergipano entre seus treinadores Phillip Lima (esq.) e Tatá Duarte (dir.) (Foto: UFC)
Sergipano entre seus treinadores Phillip Lima (esq.) e Tatá Duarte (dir.) (Foto: UFC)

Por Alan Oliveira

Nesta quarta, Sean Strickland foi cortado da luta principal do UFC Vegas, dia 15 de outubro, devido a uma infecção no dedo (veja aqui). Logo, Jared Cannonier ficou sem oponente, mas, se depender de Andre “Sergipano” Muniz, será por pouco tempo. Após o anúncio, o brasileiro foi às redes sociais fazer campanha para a vaga. Ao PVT, Sergipano, 10º colocado do ranking dos médios, afirmou que vê a luta contra Cannonier, 2º do ranking, como oportunidade de se aproximar de uma disputa de título.

“Estou pronto, estou treinando, estou com 97kg, então é só o UFC mandar o contrato. Acredito que vencendo o 2º do ranking e ficaria entre os top 5, e estaria na porta do cinturão. Quero ser o primeiro campeão vindo do Contender Series”, projeta o atleta da Tatá Fight Team Montes Claros.

Sergipano citou o programa em que Dana White escolhe lutadores para o UFC, e no qual o lutador conseguiu contrato após vencer Taylor Johnson em 2018. Desde então, foram cinco vitórias, sobre adversários como Ronaldo Jacaré e Uriah Hall.