UFC 258: Durinho é azarão na briga pelo título contra Usman; veja como apostar

O UFC 258 pode entrar para a história do MMA brasileiro. Afinal, o evento deste final de semana, em Las Vegas (EUA), tem como grande atração a luta pelo título dos meio-médios entre Kamaru Usman, o atual campeão, e Gilbert “Durinho” Burns. O atleta carioca poderá escrever seu nome na galeria dos ídolos das artes marciais mistas no Brasil, pois está a um triunfo de conquistar o cinturão numa categoria em que o país ainda não conseguiu muito destaque. O problema é que Usman pinta como favorito nas casas de apostas esportivas, com ampla vantagem nas cotações em relação ao brasileiro. 

O nigeriano de 33 anos tem, de fato, um cartel espetacular. São 17 vitórias em 18 lutas no MMA profissional, sendo doze triunfos no Ultimate, onde ele jamais perdeu. O currículo de respeito certamente é um dos motivos para o favoritismo do detentor do cinturão nos sites de apostas esportivas. Durinho, por sua vez, soma 19 vitórias e 3 derrotas, com uma sequência de seis triunfos consecutivos e uma invencibilidade que já dura três anos. Fica claro que, apesar de estar em desvantagem nos odds, o brasileiro tem boas condições de faturar a cinta, já que tem talento e experiência para superar o campeão.

Como de costume nos combates que valem título, a luta tem duração de até cinco rounds. E como os fãs do MMA já devem saber, os campeões costumam se dar bem nas papeletas dos jurados em combates pelo cinturão. Para vencer nos pontos, o desafiante costuma ter de mostrar uma superioridade inquestionável. Portanto, Durinho que trate de resolver o combate até o quinto assalto, para não abusar da sorte. Os odds que mostramos a seguir, fornecidos pelo Odds Shark, são do Bodog, que é uma das principais casas de apostas do mercado e uma referência internacional do ramo. 

Peso meio-médio – (R$ 1,36) Kamaru Usman x Gilbert “Durinho” Burns (R$ 3,15)

Os odds do combate nas casas de apostas levam em conta uma série de fatores, desde o retrospecto até a comparação de estatísticas e estilos de luta dos atletas. Como Usman é o dono do cinturão há dois anos, vem de uma longa sequência invicta e é considerado um atleta muito versátil, bom tanto na trocação como na luta agarrada, ele sobe ao octógono com um favoritismo bastante pronunciado. Em caso de vitória do nigeriano, o apostador que colocar suas fichas no detentor do título vai receber R$ 1,36 a cada real investido no Bodog. Trata-se de um lucro de 36% em relação ao valor aplicado no campeão.

Para a torcida brasileira, a luta deste fim de semana apresenta não só a chance de festejar um título muito aguardado como também a possibilidade de lucrar alto. Durinho, 34 anos, natural de Niterói, vem trabalhando duro há anos pelo título, e caso realize seu sonho, vai proporcionar um retorno espetacular de R$ 3,15 para 1. Ou seja, título para o Brasil pode permitir que você mais que triplique seu dinheiro. Os odds são altos, mas vale lembrar: o carioca vem de vitórias sobre oponentes fortíssimos e Usman resistiu bastante a aceitar a luta, o que indica que o campeão considera Durinho um oponente bastante perigoso.

Quantos rounds a luta deverá durar?

Além das vitórias em sequência, outra semelhança nas trajetórias recentes de Usman e Durinho é o alto número de lutas com decisão dos jurados. Cinco dos últimos seis duelos do nigeriano foram para a contagem de pontos, assim como três das últimas quatro lutas do brasileiro. Com esse retrospecto, os odds das casas de apostas indicam boa chance de o título ser decidido nas papeletas, com odds de R$ 1,74 para 1. Quem acreditar em uma finalização ou nocaute pode dobrar seu dinheiro: o retorno para esses dois desfechos, seja qual for o vencedor, é de R$ 2,00 para 1.

Quem estiver à procura de cotações ainda melhores pode se arriscar em previsões mais ousadas – como, por exemplo, cravar ganhador e método de vitória. Se o brasileiro, que é tricampeão mundial de luta agarrada, finalizar o nigeriano, o retorno será de R$ 8,00 para 1. A menor cotação (que indica o desfecho considerado mais provável) é triunfo de Usman por pontos, retornando R$ 2,00 para 1. Já os odds para uma finalização do brasileiro pelo nigeriano refletem bem a excepcional reputação de Durinho no jiu-jitsu – caso Usman consiga a proeza de imobilizar o desafiante, o lucro será de incríveis R$ 19,00 para 1.

Confira todos os combates e as cotações do Bodog para o UFC deste sábado (13/2), no UFC Apex, em Las Vegas, Estados Unidos (em destaque, os representantes do Brasil):

CARD PRINCIPAL (a partir da meia-noite, horário de Brasília) 

Peso meio-médio – (R$ 1,36) Kamaru Usman x Gilbert “Durinho” Burns (R$ 3,15)

Peso mosca feminino – (R$ 1,95) Maycee Barber x Alexa Grasso (R$ 1,80)

Peso médio – (R$ 1,43) Kelvin Gastelum x Ian Heinisch (R$ 2,80)

Peso leve – (R$ 3,05) Jim Miller x Bobby Green (R$ 1,37)

Peso médio – (R$ 2,40) Maki Pitolo x Julian Marquez (R$ 1,58)

CARD PRELIMINAR (a partir das 20h30, horário de Brasília)

Peso médio – (R$ 1,25) Rodolfo Vieira x Anthony Hernandez (R$ 4,00)

Peso meio-médio – (R$ 1,25) Belal Muhammad x Dhiego Lima (R$ 4,00)

Peso palha feminino – (R$ 2,20) Polyana Viana x Mallory Martin (R$ 1,66)

Peso casado – (R$ 2,25) Andre Ewell x Chris Gutiérrez (R$ 1,64)

Peso pena – (R$ 1,38) Ricky Simon x Brian Kelleher (R$ 3,00)

Peso meio-médio – (R$ 1,74) Gabe Green x Phillip Rowe (R$ 2,05)

Peso mosca feminino – (R$ 2,10) Gillian Robertson x Miranda Maverick (R$ 1,71)