Veja as melhores oportunidades de lucros nas casas de apostas no card preliminar do UFC 255

Ariane Lipski enfrenta Antonina Shevchenko no card preliminar – Foto: UFC

Próximo evento do Ultimate, o UFC 255 terá três brasileiros no card principal, mas existem muitas lutas para serem exploradas no card preliminar com foco nos lucros que podem ser obtidos por meio das casas de apostas esportivas. Além dos combates envolvendo Deiveson, Jennifer e Shogun, vale a pena conferir as boas oportunidades nas principais lutas do card de abertura do evento – Moreno x Royval e Buckley x Wright –, sempre com os odds do Bodog. E fica uma dica essencial: jamais menospreze a chance de faturar com os azarões.

Peso mosca – (R$ 1,52) Brandon Moreno x Brandon Royval (R$ 2,55)

Brandon Moreno, de 26 anos, chega com um recorde de 17-5-1. Moreno luta pela primeira vez desde a vitória por decisão unânime sobre Jussier Formiga, no UFC Fight Night: Lee x Oliveira, em março. Royval, por sua vez, vem de vitória por finalização contra Kai Kara-France em 14 de março deste ano, no UFC 253, e detém o recorde de 12-4-0.

Por que Moreno é favorito? Número 2 da categoria, ele ficou possesso por ter sido preterido a lutar pelo título contra Deiveson Figueiredo. Com isso, o mexicano irá descontar toda essa raiva pra cima de Royval.

Peso médio – (R$ 1,37) Joaquin Buckley x Jordan Wright (R$ 3,05)

O astro do UFC Fight Island 5 Joaquin Buckley já terá uma luta intrigante pela frente contra Jordan Wright. Ambos são lutadores que buscam a finalização. O californiano Wright, de 29 anos, debutou no UFC em 22 de agosto, onde obteve uma vitória por nocaute técnico, em 91 segundos, sobre Ike Villanueva. Já Buckley, de 26 anos, é nativo do Missouri e fez sua estréia promocional em 08 de agosto, contra Kevin Holland.

Jordan Wright mostrou um clinch tailandês perfeitamente executado em sua primeira aparição no Ultimate, quando acertou algumas joelhadas implacáveis no rosto de Villanueva, resultando em um corte enorme, forçando o árbitro a parar a luta. Não é sempre que vemos lutadores usarem um sólido clinch tailandês, e Wright também tem alguns ataques de giro letais.

Oito das onze vitórias de Buckley vêm por nocaute, com as outras três sendo decisões, e todas as onze vitórias de Wright vêm por paralisação com seis nocautes e cinco finalizações, apenas uma das quais passou da primeira rodada. E veja que há uma disparidade nos números do Bodog. Por isso, não se pode desprezar Jordan assim de cara. Vale apostar na vitória dele em função do bom lucro previsto, mesmo a fundo perdido.

Confira todos os combates e as cotações para o UFC deste sábado (21/11), no UFC Apex, em Las Vegas, Estados Unidos:

CARD PRINCIPAL (a partir de 0h, horário de Brasília)

Peso mosca – (R$ 1,32) Deiveson Figueiredox Alex Perez (R$ 3,40)

Peso mosca – (R$ 1,07) Valentina Shevchenko x Jennifer Maia(R$ 8,50)

Peso meio-médio – (R$ 1,66) Mike Perry x Tim Means (R$ 2,20)

Peso mosca – (R$ 3,05) Katlyn Chookagian x Cynthia Calvillo (R$ 1,37)

Peso meio-pesado – (R$ 2,45) Maurício Shogunx Paul Craig (R$ 1,57)

CARD PRELIMINAR (a partir das 20h30, horário de Brasília)

Peso mosca – (R$ 1,52) Brandon Moreno x Brandon Royval (R$ 2,55)

Peso médio – (R$ 1,37) Joaquin Buckley x Jordan Wright (R$ 3,05)

Peso mosca – (R$ 1,62) Antonina Shevchenko x Ariane Lipski(R$ 2,30)

Peso meio-médio – (R$ 1,30) Daniel Rodriguez x Nicolas Dalby (R$ 3,50)

Peso meio-médio – (R$ 1,66) Alan Jouban x Jared Gooden (R$ 2,20)

Peso médio – (R$ 1,32) Kyle Daukaus x Dustin Stoltzfus (R$ 3,40)

Peso meio-médio – (R$ 1,25) Louis Cosce x Sasha Palatnikov (R$ 4,00)