Vídeo: assista aos melhores momentos das vitórias de Kamaru Usman e Polyana Viana

Gilbert Durinho até que começou bem a luta deste sábado diante de Kamaru Usman em Las Vegas, mas parou no queixo de aço do ex-parceiro de treinos, que suportou a pressão no primeiro round, encontrou a distância no segundo e, com jabs, abriu caminho para a vitória por nocaute técnico no segundo round, mantendo o cinturão dos meio-médios do UFC.

Quem também não teve uma boa noite; aliás, teve uma noite para esquecer, foi o ás do Jiu-Jitsu Rodolfo Vieira, que, assim como o compatriota, teve um início de luta muito bom, chegando a dominar Anthony Hernandez na primeira metade do round inicial. Porém, no restante da etapa, o americano impôs um castigo severo ao brasileiro, definindo o combate no segundo round, pasmem, finalizando o campeão mundial com uma guilhotina. 

O meio-médio Dhiego Lima foi outro que viu o adversário ter o braço levantado. Melhor na maior parte dos três rounds, Belal Muhammad foi declarado vencedor por decisão unânime, sem contestação.

O destaque positivo do time brasileiro que entrou em ação foi a peso-palha Polyana Viana, que praticamente não deixou Mallory Martin respirar, alternando de triângulo para arm-lock. Após muita insistência, a paraense conseguiu fazer com que a adversária desistisse, ainda no primeiro round. 

Assista às análises de Carlão Barreto:

Confira os resultados:

UFC 258

Las Vegas, EUA

13 de fevereiro de 2021

Kamaru Usman venceu Gilbert Durinho por nocaute técnico no R3
Alexa Grasso venceu Maycee Barber por decisão unânime
Kelvin Gastelum venceu Ian Heinisch por decisão unânime
Ricky Simón venceu Brian Kelleher por decisão unânime
Julian Marquez finalizou Maki Pitolo com um triângulo de mão no R3
Anthony Hernandez finalizou Rodolfo Vieira com uma guilhotina no R2
Belal Muhammad venceu Dhiego Lima por decisão unânime
Polyana Viana finalizou Mallory Martin com um armlock no R1
Chris Gutierrez venceu Andre Ewell por decisão unânime
Gabe Green venceu Philip Rowe por decisão unânime