Wanderlei fala do nocaute aplicado por Krazy Horse há 15 anos antes de sua revanche com Arona no Pride

Afinal de contas o que aconteceu no vestiário do Pride em 2005 entre Krazy Horse e Wanderlei Silva? Este segredo, que ficou escondido pela equipe Chute Boxe por 15 anos, finalmente foi revelado por Wanderlei Silva em seu livro “Sem Coleira” lançado na última quinta na Arena Upper no Rio de Janeiro. De fato, o americano ao recobrar a consciência depois de ser apagado por Cristiano Marcello num triângulo, aplicou um direto na ponta do queixo de Wanderlei, que levou o campeão do Pride a nocaute a poucos minutos de sua revanche com Ricardo Arona.

Na última sexta na live Papo com o Mestrão, que promovemos no canal do PVT no Youtube, o assunto voltou a pauta e pudemos entender pelo prisma dos mestres, Rafael e Rudimar, tudo que ocorreu após aquele nocaute no vestiário do Pride em 2005.  “O Rafael (Cordeiro) sempre me ajudou nessa parte do psicológico desde que ele se tornou treinador. Eu estava perdido e o Rafael veio e disse: ‘O negócio é o seguinte, você tomou uma porrada, mas agora você vai para a briga mesmo. Já está nesse clima’. O Wanderlei se envolveu nisso e sempre acreditando nos técnicos. Logo em seguida fez essa luta sensacional e manteve esse título”, explicou Rudimar.

Wanderlei e Rafael também deram suas versões sobre o ocorrido que você pode acompanhar no vídeo abaixo.