Alex Poatan nocauteia Jason Wilnis em 91 segundos e mantém cinturão do Glory

Brasileiro garantiu a vitória por via rápida no primeiro round - Foto: Divulgação/Glory
Brasileiro garantiu a vitória por via rápida no primeiro round – Foto: Divulgação/Glory

Alex ‘Poatan’ Pereira precisou de apenas 91 segundos para nocautear o holandês Jason Wilnis e garantir a quarta defesa de cinturão dos médios (até 85kg) do GLORY, no main event da edição 65 realizada sexta-feira à noite, em Utrecht (Holanda).

Empurrado pelo público – já que lutava em casa -, Wilnis começou apostando pesado nos low kicks (chutes baixos) para tentar surpreender o brasileiro. Precavido neste sentido, ‘Poatan’ se desvencilhou e bloqueou alguns golpes, antes de acertar um chute alto que mandou o adversário à knockdown. Na volta, não deixou Wilnis respirar, e voou com uma joelhada no queixo, decretando o nocaute.

“Ele (Wilnis) já tinha me vencido duas vezes, em 2012 e 2015. Mas naquela época eu não era um lutador completo. Agora a história foi diferente. Não vim com pensamento de dar o troco, nada disso. Respeito todos os adversários. Essa vitória foi um presente para os fãs de kickboxing ao redor do mundo”, disse o campeão, ainda no ringue. “Sigo com o plano e a vontade de subir para o meio-pesado (até 93kg) e enfrentar o campeão (Artem) Vakhitov, em uma super luta”, completou.

Troca de posse

No co-main event, o armeno Marat Grigorian encarou o campeão Sitthichai pela quarta vez no GLORY, e desta vez deu o troco nas três derrotas anteriores. Os cinco rounds foram extremamente parelhos, mas um knockdown favorável ao armeno na segunda parcial fez a diferença na contagem final de pontos e o coroou como novo campeão dos leves, interrompendo uma sequência de seis defesas de título e nove vitórias consecutivas do tailandês.

A próxima edição será o GLORY 66, que acontece em Paris (França), dia 22 de junho. Teremos duas disputas de cinturão e a participação do meio-pesado brasileiro Felipe Micheletti.

GLORY Kickboxing Sempre AO VIVO no DAZN Brasil.


Resultados

CARD PRINCIPAL

Título dos médios

Alex Pereira venceu Jason Wilnis por KO.

Título dos leves

Marat Grigorian venceu Sitthichai Sitsongpeenong por decisão unânime.

Médios

Donovan Wisse venceu Yousri Belgaroui por decisão unânime.

Médios

Eyevan Danenberg venceu Yassine Ahaggan por nocaute.

SUPERFIGHT SERIES

Leves

Tyjani Beztati venceu Josh Jauncey por decisão unânime.

Pesados

Cihad Kepenek venceu Junior Tafa por decisão unânime.

Penas

Thong Fairtex venceu Bailey Sugden por decisão dividida.

Leve

Luke Whelan venceu Itay Gershon por decisão dividida.

Super-galo

Sofia Olofsson venceu Christi Brereton por decisão dividida.