Allycia Rodrigues almeja ser campeã em duas divisões do ONE para ‘Fazer história’

0
167
Brasileira é a atual campeã peso-átomo de Muay Thai do ONE Championship - ONE Championship

Atual campeã peso-átomo de Muay Thai do ONE Championship, Allycia Rodrigues não é do tipo que perde a chance de alcançar a verdadeira grandeza. No dia 29 de setembro, quando acontece o ONE Fight Night 14 no Singapore Indoor Stadium, a brasileira subirá de peso para desafiar Smilla “The Hurricane” Sundell pelo título peso-palha de Muay Thai do ONE. A brasileira treinou duro e vai em busca da vitória sobre a sueca de 18 anos e do seu segundo cinturão na organização asiática.

Brasileira é a atual campeã peso-átomo de Muay Thai do ONE Championship – ONE Championship

“Estou subindo de divisão porque não poderia deixar passar essa oportunidade. Eu quero fazer história. Quero ser campeã de duas divisões. Estou muito feliz com esta oportunidade. Acho a Sundell uma boa lutadora, uma menina muito jovem que também vem conquistando seu espaço. Tenho muito respeito por ela, mas estarei muito preparada para levar o cinturão para casa”, disse Allycia.

Embora Allycia seja campeã e esteja invicta no ONE Championship, algumas pessoas duvidam que a brasileira consiga lidar com uma striker do calibre de Sundell em uma categoria de peso acima. Mas ela garante que o fato destas pessoas duvidarem do seu potencial é o que a leva a treinar mais forte do que nunca para a buscar o maior prêmio de sua carreira profissional de 38 lutas.

“Ter dois cinturões é um dos meus sonhos e pretendo realizá-lo. Quero fazer história, quero me desafiar cada vez mais e sei que consigo. Mas a minha maior motivação é ver que muita gente não acredita em mim. Eu vou mostrar a todos que nada é impossível quando se trabalha muito. Agarrei essa oportunidade com todas as minhas forças e vou mostrar isso na luta”, garante a campeã.

Allycia prevê ‘guerra’ contra Sundell

Para sair com a vitória e fazer história, Allycia Rodrigues estudou bastante o jogo de Smilla Sundell em busca de brechas que possam ser exploradas. Ela reconhece que a sueca é uma atleta fisicamente imponente e que trabalha com combinações agressivas de socos e joelhadas. Mas a brasileira é uma lutadora igualmente agressiva, por isso ela prevê que a luta contra Sundell será uma verdadeira guerra.

“Ela gosta de ser agressiva e pressionar as adversárias, sempre avançando. Porém, também gosto de lutar pra frente. Ela sabe aproveitar a vantagem de altura para boxear e usar os joelhos, e sei que é isso que causa muitos problemas às adversárias dela. Ela faz o seu jogo muito bem. Gosto do estilo de luta dela, mas não me preocupo com o tamanho dela. Estou animada para essa luta e sei que vai ser uma guerra exatamente por conta dos nossos estilos”, analisou.

Apesar de seu grande respeito pelas habilidades de Sundell, Allycia acredita que possui algumas vantagens importantes neste confronto. Isso inclui seu QI de luta altamente desenvolvido e seu jogo de trocação dinâmico e completo – as mesmas ferramentas que ela usou para derrotar as super estrelas Stamp Fairtex e Janet Todd no ONE. A brasileira garante que vai em busca do nocaute, mas caso não aconteça, ela garante que entregará uma batalha inesquecível aos fãs.

“Acredito que sou mais inteligente e tenho mais precisão. Acho que também sou mais completa no Muay Thai. Mas, devido à altura de Sundell, sei que será difícil nocauteá-la. Portanto, derrubá-la não será fácil, mas também não será impossível. Com certeza vou para a luta com a intenção de nocauteá-la. Estou muito ansiosa pela luta e acredito que será uma das melhores lutas do evento”, concluiu.