Atleta da Pitbull Brothers estreia no Bellator contra irlandês em ambiente hostil

0
140
Otto Rodrigues luta este sábado (23) contra Brian Moore em Dublin, na Irlanda - Pitbull Brothers

Um ano após assinar contrato com o Bellator, Otto Rodrigues finalmente fará a sua estreia na organização americana. O atleta da equipe Pitbull Brothers vai fazer o seu debute no cage circular neste sábado (23), quando acontece o Bellator 299 em Dublin, na Irlanda. O peso-pena terá pela frente o irlandês Brian Moore, que vem de duas vitórias na organização e estará lutando diante de sua torcida. Mas o brasileiro de 35 anos garante que isso não será problema, pois já teve outras experiências atuando em um ambiente hostil.

Otto Rodrigues luta este sábado (23) contra Brian Moore em Dublin, na Irlanda – Pitbull Brothers

“É minha estreia na organização, mas já tenho outras lutas internacionais contra grandes adversários, então não acredito que haverá dificuldades nesse contexto. As minhas expectativas são as melhores possíveis para essa luta, pois tenho todas as armas para vencer. A maioria da torcida será dele, porém a vitória será minha”, garantiu Otto.

Natural de Cabo Frio, no Rio de Janeiro, Otto luta MMA desde 2007. Desde então ele construiu um expressivo cartel de 13 vitórias e apenas uma derrota. O único revés ocorreu em sua segunda luta profissional em 2008. De lá para cá são 12 vitórias seguidas, a última delas pelo Legacy Fighting Alliance (LFA). Já o seu adversário, Brian Moore, possui 25 lutas de MMA, com 16 vitórias e nove derrotas. Doze dessas lutas foram pelo Bellator, onde saiu vencedor em sete desses combates.

“Sei que ele é um veterano da organização, mas eu estou chegando muito preparado para essa luta. Venho de uma sequência de vitórias e estou em uma evolução técnica e física. Eu nunca lutei contra adversários fracos, então acredito realmente que esse é o momento certo para avançar ao topo do esporte. Meus treinos na Pitbull Brothers, família que me acolheu, foram de alto nível e eu irei mostrar toda a minha evolução nesta luta trazendo a vitória para o Brasil. Estou confiante que vou vencer a luta por finalização”, concluiu Otto.