Carlão Barreto relembra como foi um dos responsáveis pela liberação do kimono azul nas competições de Jiu-Jitsu

https://youtu.be/25DppQn1UxQ

Atualmente é comum ver atletas de Jiu-Jitsu competindo de kimonos coloridos. Mas nem sempre foi assim. Na RESENHA PVT da última terça-feira, Carlão Barreto lembrou do episódio que marcou a quebra da hegemonia do uso dos kimonos brancos nos campeonatos, fato ocorrido no primeiro mundial da modalidade, em 1996.

Carlão e Marcello Tetel chegaram de kimono azul para a competição. Porém, o presidente da federação, Carlinhos Gracie, num primeiro momento, proibiu a dupla de lutar com a vestimenta. Depois de muita insistência, Carlão e Tetel conseguiram convencer o Gracie a liberar o uso, competiram e subiram no pódio, marcando a revolução do kimono azul.

Assista à história contada por Carlão no vídeo acima. Abaixo, segue o vídeo da RESENHA PVT na íntegra com o faixa-preta.

https://youtu.be/jnh69FVlGD8