Demian Maia patrocina versão em inglês do livro “Muito Antes do MMA”

0
433

Considerado o livro histórico mais completo sobre as origens do Jiu-Jitsu e do Vale-Tudo, “Muito Antes do MMA” (Parte 1) está finalmente disponível em inglês na Amazon. O projeto foi patrocinado pelo ex-lutador do UFC, Demian Maia, que também escreveu o prefácio do livro.

“Eu sempre fui apaixonado por história e, é claro, artes marciais. Desde os 12 anos, consumi tudo o que estava relacionado ao tema. Quando a trilogia ‘Muito Antes do MMA’ caiu em minhas mãos, por recomendação do meu bom amigo e jornalista especializado em lutas, Marcelo Alonso, fiquei agradavelmente surpreso. Logo percebi que as informações eram respaldadas por várias fontes da época, principalmente jornais e livros. No entanto, a coisa mais legal foi ver que, mesmo sabendo que a neutralidade é algo inatingível, os autores Elton Silva e Eduardo Correia fizeram um esforço para manter a maior imparcialidade diante dos fatos. E sabemos que isso é difícil ao lidar com a história, pois sempre somos influenciados por julgamentos pessoais e paixões. ‘Muito Antes do MMA’ nos ajuda a entender como as artes marciais brasileiras, como a capoeira, o Jiu-Jitsu brasileiro e a Luta Livre Esportiva surgiram e quais influências sofreram até se consolidarem. Um exemplo é o caminho peculiar que as artes marciais japonesas, como o Jiu-Jitsu e o Judô, percorreram no Brasil, até se tornarem o que conhecemos hoje como Jiu-Jitsu Brasileiro”, disse Demian ao PVT.

“Essas lutas de grappling, quando chegaram ao país, já eram bastante diferentes das que eram praticadas no Japão. Isso ocorre porque os lutadores japoneses que imigraram para as Américas, tanto do judô kodokan quanto de outras escolas de Jiu-Jitsu japonesas, foram influenciados por esportes de combate que eles já haviam conhecido na Europa e nos Estados Unidos. Lutas como boxe, savate, catch-as-catch-can wrestling, além de desafios contra lutadores ocidentais, contribuíram para essa transformação. No Brasil, os japoneses ainda foram influenciados pela capoeira e enfrentaram diversos tipos de lutadores. A partir da década de 1930, enquanto os estilos de Jiu-Jitsu eram absorvidos pela Kodokan de Jigoro Kano no resto do mundo, um estilo de luta distinto se desenvolveu no Brasil. Esse estilo absorveu influências de várias lutas, além das experiências vividas pelos lutadores brasileiros”, contou o ex-lutador do UFC, formado em Jornalismo.

“‘Muito Antes do MMA’ nos mostra a história dessa transformação, liderada pela família Gracie, especialmente por Carlos, Hélio e George, dando origem a uma nova arte marcial que seria apresentada ao mundo em 1993, no primeiro UFC. Essa parte sobre o Jiu-Jitsu é um conteúdo sensacional, mas o livro vai muito além, aprofundando-se também na história de outras lutas. Elton Silva e Eduardo Correia mergulharam de cabeça nesse projeto, enriquecendo muito nosso conhecimento sobre as artes marciais no Brasil. Li tudo em um tempo muito curto, ansioso para compreender melhor essa rica fonte de cultura que são as lutas brasileiras, algo que eu amo tanto e que moldou minha vida. Tenho certeza de que você também irá aproveitar”, escreveu Demian no prefácio do livro.

De acordo com os autores, Eduardo Correia e Elton Silva, a versão em inglês das partes 2 e 3 estará disponível em breve. “Estamos trabalhando na tradução das Edições 2 e 3. Assim que imprimirmos ambas, também disponibilizaremos a versão em e-book da trilogia”, revelou Elton ao PVT.

Clique neste link para a primeira parte.