Invicto no MMA, peso-pesado brasileiro estreia no ACA de olho em chance pelo cinturão

Ex-campeão do Jungle Fight, Roggers Souza encara Kazbek Saidaliev este sábado na Chechênia - Foto: Divulgação
Ex-campeão do Jungle Fight, Roggers Souza encara Kazbek Saidaliev este sábado na Chechênia – Foto: Divulgação

Oito lutas, oito vitórias, sendo sete por nocaute e uma por finalização. O paraense Roggers Souza não gosta de deixar a luta nas mãos dos juízes. E, neste sábado (26), ele quer mais uma grande vitória contra o russo Kazbek Saidaliev no Absolute Championship Akhmat (ACA) 91, que acontece em Grozny, na Chechênia. Será a sua estreia no evento, mas Roggers já está de olho no cinturão dos pesados da organização.

“Minha expectativa é conquistar mais uma vitória, de preferência mais um nocaute. E, vencendo essa, já estou de olho no cinturão da organização. Esse é o meu foco. Meu objetivo é ser o sempre o número um do evento”, disse o atleta, que atualmente mora em Minas Gerais e treina na academia  BH Rhinos.

O oponente de Roggers não vive um grande momento no MMA. Saidaliev tem um cartel de sete vitórias e três derrotas, duas delas em suas últimas apresentações. O brasileiro, que já foi campeão dos pesados do Jungle Fight e vem de um nocaute em menos de dois minutos sobre Vladimir Daineko no League S-70 Plotforma, evento em homenagem ao presidente russo Vladmir Putin, acredita que seu último oponente era um desafio maior que Saidaliev, mas ressalta a importância de não menosprezar para não ser surpreendido na luta.

“Meu adversário vem de duas derrotas. Ele não é muito técnico na luta de chão e nem na trocação. Acredito que o único diferencial é que ele já está ambientado ao país dele, que está nevando no momento. Ma eu estou bem preparado para essa luta. Estudei muito o meu oponente e montei uma estratégia para bloquear o jogo dele. Vejo um peso maior nessa luta porque o meu adversário é inferior ao oponente anterior que enfrentei. Não o vejo como uma ameaça, mas se tratando de MMA, tudo é possível. Às vezes o favorito acaba derrotado, e eu não pretende sair derrotado deste evento. Quero sair com mais um nocaute e buscar o cinturão do evento”, encerrou Roggers.