Jungle Fight 96 consagra dois novos campeões

Max Denner faturou a cinta até 70kg - Foto: Rafael Lavô / Território Tupiniquim
Max Denner faturou a cinta até 70kg – Foto: Rafael Lavô / Território Tupiniquim

O Jungle Fight coroou dois novos campeões nesse sábado, em sua 96ª edição, realizada no Clube Labareda, em Belo Horizonte. Na luta principal, Natália Silva finalizou Gabi Marçal com um armlock para conquistar o cinturão peso-mosca feminino da organização. 

Uma luta antes, pelos pesos leves, Max Denner levou a melhor sobre Elysson Machado com um nocaute técnico ainda no primeiro round, manteve a invencibilidade e garantiu o cinturão da categoria do evento presidido por Wallid Ismail.

No geral, das 14 lutas disputadas, apenas quatro foram para a decisão dos juízes laterais. Nas demais, sete terminaram por finalização e três por nocaute técnico. 

Confira abaixo os outros resultados:

Jungle Fight 96

Belo Horizonte, MG

19 de outubro de 2019

Natalia Silva finalizou Gabi Marçal com um armlock

Max Denner venceu Elysson Machado por nocaute técnico

Heider Caetano finalizou Romario Martins

Werley Mão de Pedra venceu Heinrich Caceres por decisão unânime

Carlos Monstro venceu João Victor Zaiden por nocaute técnico

Fernando Ben 10 venceu João Oliveira por decisão unânime dos jurados

Adriano Nunes venceu Joelson Nascimento por nocaute técnico

Patricio Tiradentes venceu Gabriel Vitorino por decisão unânime dos jurados

Deberson The Prince venceu Fhabio Mir por decisão dividida dos jurados

Wallace Itália finalizou Henrique Prota

Arthur Barros finalizou Jeferson Alves

Leandro Camargos finalizou Lucas Soares

Macksuel Laudino finalizou Ronaldo Saminez

Marcus Samuel finalizou Jeferson Lourenço