Marlon Moraes e José Aldo lideram ótimo evento do UFC em Fortaleza

Aldo venceu e pulou nos braços da galera - Foto: Getty Images/UFC
Aldo venceu e pulou nos braços da galera – Foto: Getty Images/UFC

Fortaleza foi palco de uma grande edição do UFC nesse último final de semana. na luta principal, Marlon Moraes devolveu a derrota do primeiro duelo com Raphael Assunção, com juros e correção monetária. Após aplicar um knockdown o lutador fluminense encaixou uma guilhotina fazendo o pernambucano bater, ainda no primeiro round. Com a vitória, o ex-campeão do WSOF fica próximo da disputa de cintuirão peso-galo do Ultimate.

Naquela que, mesmo não sendo a principal, foi a luta mais aguardada do card, José Aldo mostrou que ainda tem muita lenha para queimar. Contra o embalado Renato Moicano, o ex-campeão fez um primeiro round estratégico. Após um equilibrio na primeira parcial, o manauara foi para o assalto seguinte disposto a definir a peleja. E conseguiu. Após uma blitiz, com direito a socos no corpo e na cabeça, ele acuou o brasiliense, obrigando o árbitro a encerrar o combate. Ainda no octógono, ele reforçou o pedido para lutar em maio no Brasil.
Os outros destaques do card foram a sensação dos meio-pesados Johnny Walker, que com um soco rodado mandou Justin Ledet para a lona em apenas 15 degundos de luta; Charles Do Bronx, que atordoou David Teymur e finalizou com um triângulo de mão; e Demian Maia, que sem levar um soco sequer, obrigou Lyman Good a bater em um mata-leão.
UFC Fortaleza
02 de fevereiro de 2019

Peso-galo: Raphael Assunção x Marlon Moraes
José Aldo venceu Renato Moicano por nocaute técnico aos 44s do R2
Demian Maia venceu Lyman Good por finalização aos 2m38s do R1
Charles do Bronx venceu David Teymur por finalização aos 55s do R2
Johnny Walker venceu Justin Ledet por nocaute técnico aos 15s do R1
Livinha Souza venceu Sarah Frota por decisão dividida
Markus Maluko venceu Anthony Hernandez por finalização a 1m07s do R2
Mara Romero Borella venceu Taila Santos por decisão dividida
Thiago Pitbull venceu Max Griffin por decisão dividida
Jairzinho Rozenstruik venceu Junior Albini por nocaute técnico aos 54s do R2
Geraldo de Freitas venceu Felipe Cabocão por decisão unânime
Said Nurmagomedov venceu Ricardo Carcacinha por nocaute técnico aos 2m28s do R1
Rogério Bontorin venceu Magomed Bibulatov por decisão dividida