Parceiro de Do Bronx, Gustavo Gabriel nocauteia mexicano e se prepara para lutar no Art of Scrap 6

0
235
Gustavo Gabriel venceu no México - Divulgação

O atleta de MMA Gustavo Gabriel fez história no Supreme Fight Night 3 há menos de duas semanas ao derrotar o mexicano Paul Márquez Moreno por nocaute com um chute na cabeça aos 32 segundos do segundo round. O resultado foi comemorado pelo lutador, que agora possui 15 vitórias e apenas duas derrotas em sua carreira no esporte.

Gustavo Gabriel venceu no México – Divulgação

Integrante do Instituto Diego Lima, Gustavo falou sobre sua estratégia para conquistar a vitória. Ele havia castigado bastante a perna do adversário e percebeu que ele estava começando a desguarnecer a guarda, momento em que decidiu tentar o chute alto.

“Naquele momento da luta, já havia castigado bastante a perna dele. Então, percebi que ele estava começando a baixar as mãos, com medo de tomar chutes no corpo e na perna. Daí tentei esse chute na cabeça, que acabou conectando no tempo certinho.”, disse.

O atleta também destacou a importância de voltar a lutar no México, país onde já havia conquistado um bom resultado em sua carreira. Gustavo Gabriel afirmou que o público presente no evento ficou impressionado com seu desempenho e que quem viu o vídeo da luta também ficou bastante surpreso com o nocaute.

“Foi muito bacana voltar a lutar lá. Meu primeiro resultado no México já havia sido muito bom. Voltei e consegui mais um grande nocaute, que impressionou todos que estavam presentes ou que assistiram em casa. Fiquei muito feliz pela forma como aconteceu a vitória. Já vinha treinando muito esse chute com meu mestre Diego Lima. Isso foi fruto de muita repetição.”, afirmou.

Motivado e sem nenhuma lesão, o lutador da Chute Boxe Diego Lima quer aproveitar o momento para fazer o maior número de lutas que puder. Sua próxima batalha será contra o norte-americano Justin King, no evento Art of Scrap 6, em 29 de abril, nos Estados Unidos. Gustavo está confiante e acredita que conseguirá um grande resultado, apesar de precisar fazer alguns ajustes por conta do jogo de seu adversário.

“Sou novo, estou muito motivado e sem nenhuma lesão. Então, tenho que aproveitar para dar o gás e fazer a maior quantidade de lutas que eu puder. É manter o ritmo dos treinos e chegar lá para conseguir mais um grande resultado. É claro que vou ter que fazer alguns ajustes, principalmente por ele ser canhoto. De qualquer forma, meu objetivo é sempre impor minha estratégia.”, declarou.

O lutador tem um projeto para 2023: realizar pelo menos quatro lutas, embalando quatro vitórias. Gustavo acredita que será o ano da reviravolta em sua carreira, e que ele chegará ao fim da temporada no maior evento do mundo, o UFC. Gustavo Gabriel vem provando seu potencial, mostrando que está empenhado em alcançar seus objetivos e se destacar no mundo do MMA. Com talento e dedicação, ele tem tudo para se tornar um grande nome no esporte.