Assunção vê luta contra Marlon Moraes como o último estágio antes do cinturão: ‘O vencedor vai ser o próxmo’

Vindo numa sequência de 11 vitórias em 12 lutas – sua única derrota foi para o atual campeão da categoria, TJ Dillashaw, a quem havia vencido anteriormente -, Raphael Assunção acreditava que seu próximo compromisso seria já pelo cinturão dos galos. Entretanto, o UFC ofereceu a revanche deste contra Marlon Moraes, em Fortaleza.

“Meu trabalho não é ficar em casa esperando. Mas eu fiquei um pouco receoso, sim, quando me ofereceram a revanche, mas depois a gente estudou direitinho, foi oferecido o main event… mas na minha concepção o vencedor vai ser o próximo a disputar o cinturão”, disse o pernambucano em entrevista ao canal oficial do UFC.

Apesar do otimismo, Assunção, mesmo em caso de nova vitória sobre o compatriota, pode ter que esperar uma possível revanche entre TJ Dillashaw e Henry Cejudo, agora na categoria dos galos.

“Isso meio que embarreira um pouco. O Dominick (Cruz) saindo da jogada facilitou, seria eu ou Marlon, o vencedor disputaria, mas agora tem isso da revanche. Mas estou otimista, o foco agora é no Marlon, em vencê-lo de novo”, minimiza.

A primeira luta entre Raphael Assunção e Marlon Moraes aconteceu em junho de 2017, no Rio. Na oportunidade, o pernambucano levou a melhor em uma decisão divida e contestada pelo adversário.

UFC Fortaleza

Sábado, 02 de fevereiro de 2019

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):
Peso-galo: Raphael Assunção x Marlon Moraes
Peso-pena: José Aldo x Renato Moicano
Peso-meio-médio: Demian Maia x Lyman Good
Peso-leve: Charles do Bronx x David Teymur
Peso-meio-pesado: Johnny Walker x Justin Ledet
Peso-palha: Livinha Souza x Sarah Frota

CARD PRELIMINAR (20h, horário de Brasília):
Peso-médio: Anthony Hernandez x Markus Maluko
Peso-mosca: Mara Romero Borella x Taila Santos
Peso-meio-médio: Thiago Pitbull x Max Griffin
Peso-pesado: Júnior Albini x Jairzinho Rozenstruik
Peso-galo: Ricardo Carcacinha x Said Nurmagomedov
Peso-mosca: Magomed Bibulatov x Rogério Bontorin
Peso-pena: Geraldo de Freitas x Felipe Cabocão