Gilbert Durinho vence a segunda nos meio-médios e desafia Neil Magny

Gilbert Durinho emplacou a segunda vitória seguida desde que subiu para a divisão dos meio-médios, a quarta, contando com as duas últimas pelos leves. A vítima da vez foi o duríssimo Gunnar Nelson, por decisão unânime, no card do UFC Dinamarca, realizado nesse final de semana.

Vale ressaltar que o brasileiro aceitou entrar no combate com apenas duas semanas de treinamento. Ainda dentro do octógono, perguntado qual seria o próximo passo, Durinho fez um desafio para o número 15 do ranking da divisão.

“Com um camp de treinamento completo, eu quero o Neil Magny dia 14 de dezembro”, pediu o niteroiense.

Compatriota e companheiro de divisão de Gilbert Durinho, Alex Cowboy não obteve o mesmo sucesso na Dinamarca e viu sua vida se complicar ainda mais na divisão. O representante de Três Rios-RJ até teve bons momentos na luta. Mas acabou derrotado para Nicolas Dalby por decisão unânime, ampliando para três o número de reveses consecutivos.

Na luta principal da edição, Jared Cannonier levou a melhor sobre Jack Hermansson por nocaute técnico no segundo round.

UFC Dinamarca

28 de setembro de 2019

Jared Cannonier venceu Jack Hermansson por nocaute técnico no R2
Mark Madsen venceu Danilo Belluardo por nocaute técnico no R1
Gilbert Durinho venceu Gunnar Nelson por decisão unânime
Ion Cutelaba venceu Khalil Rountree por nocaute técnico no R1
Ovince St.Preux finalizou Michal Oleksiejczuk com um shoulder choke no R2
Nicolas Dalby venceu Alex Cowboy por decisão unânime
John Phillips venceu Alen Amedovski por nocaute no R1
Makhmud Muradov venceu Alessio di Chirico por decisão unânime
Ismail Naurdiev venceu Siyar Bahadurzada por decisão unânime
Giga Chikadze venceu Brandon Davis por decisão dividida
Lina Lansberg venceu Macy Chiasson por decisão unânime
Marc Diakiese venceu Lando Vannata por decisão unânime
Jack Shore finalizou Nohelin Hernandez com um mata-leão no R3