Jessica Andrade e José Aldo aparecem como favoritos no Card Principal do UFC 237

*Toda a cobertura do UFC 237 é trazida a você por Odds Shark. Confira as chances, escolhas e análises no UFC 237 e muito mais.

Finalmente chegou o tão aguardado UFC 237, disputado no Rio de Janeiro, neste sábado (11/05). O evento traz Jéssica Andrade disputando o cinturão do Peso Palha Feminino contra Rose Namajunas. Só que além dela, outros cinco brasileiros aparecem no Card Principal trazendo lucros superiores a 58% nos sites de apostas esportivas.

Jéssica Andrade favorita para o cinturão

Vindo de três vitórias seguidas, com destaque para o nocaute sobre Karolina Kowalkiewicz, Jéssica Andrade terá a grande chance de conquistar o cinturão e paga R$ 1,80 para cada real por um triunfo. Além de estar atuando ao lado de sua torcida, a Bate-estaca aparece como favorita exatamente pelo triunfo sobre a polonesa, afinal, ela foi a última a derrotar Rose Namajunas – adversária de Jéssica neste sábado. Defendendo seu título, a norte-americana oferece R$ 2,00 para R$ 1,00 nas casas de apostas esportivascaso conquiste seu quatro triunfo seguido.

Anderson Silva tenta retorno melhor

A carreira de Anderson Silva passa por dificuldades desde as derrotas para Chris Weidman em julho e dezembro de 2013. Depois disso, além dos problemas com doping, o brasileiro entrou no octógono em sete oportunidades e somente em uma conseguiu vencer. O triunfo veio por pontos contra Derek Brunson. Com dificuldades de decolar, Spider é o único da casa que luta como azarão diante de um estrangeiro. A vitória de Anderson está cotada em R$ 2,20 para R$ 1,00 contra R$ 1,70 de Jared Cannonier, acordo com os odds do MMA. O oponente conta com 11 vitórias e apenas quatro derrotas no currículo.

José Aldo na fila

As duas derrotas para Max Holloway em junho e dezembro de 2017 acabam fazendo com que José Aldo tenha que esperar mais tempo para lutar pelo cinturão. No entanto, com duas vitórias e sendo o número 1 do ranking de peso pena, o brasileiro certamente ficará mais próximo de uma chance se conseguir ganhar de Alexander Volkanovski, o que garante R$ 1,72 para cada real.

Volkanovski chega com moral, embora corra por fora para vencer, como aponta o Bodog. Isso porque o australiano tem 19 vitórias e somente uma derrota na carreira, sendo que este único revés ocorreu em 2013. Na quarta posição do ranking da categoria, Volkanovski também está na fila e tem tudo para ganhar uma oportunidade em caso de vitória, que vale R$ 2,10 para R$ 1,00.

Duelo equilibrado

O embate mais parelho da noite é entre Thiago Pitbull e Laureano Staropoli. Aqui, não importa qual seja o seu palpite, você sairá com 90% de lucro. A explicação para isso está mais no fator casa, pois tanto a carreira, quanto o momento de Staropoli são melhores. O argentino tem apenas uma derrota em 9 lutas no seu cartel e chega de seis triunfos consecutivos.

Pitbull, por sua vez, até venceu Max Griffin, por pontos, em fevereiro deste ano, mas em seus últimos seis combates, em quatro ocasiões saiu derrotado.

Duelo brasileiro

Ainda no Card Principal estão outros dois brasileiros que se enfrentam em uma luta que garante no mínimo 58% de lucro. O valor é pago por um triunfo de Carlos Diego Ferreira, que entra no octógono com status de favorito após colecionar quatro vitórias seguidas, com destaques para os nocautes para cima de Jared Gordon e Kyle Nelson. Do outro lado, com uma carreira de mais altos e baixos, Francisco Massaranduba oferece R$ 2,40 para cada real aplicado em seu triunfo.

Confira também nas casas de apostasoutras opções de investimento para cada um dos duelos.

Confira as lutas do UFC 237, no Rio de Janeiro, neste sábado (11/05)

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):

Peso-palha: Rose Namajunas (R$ 2,00) x (R$ 1,80) Jéssica Andrade

Peso-médio: Jared Cannonier (R$ 1,70) x (R$ 2,20) Anderson Silva

Peso-pena: José Aldo (R$ 1,72) x (R$ 2,10) Alexander Volkanovski

Peso-meio-médio: Thiago Pitbull (R$ 1,90) x (R$ 1,90) Laureano Staropoli

Peso-leve: Francisco Massaranduba (R$ 2,40) x (R$ 1,58) Carlos Diego Ferreira

CARD PRELIMINAR (18h15, horário de Brasília):

Peso-meio-pesado: Rogério Minotouro (R$ 2,25) x (R$ 1,66) Ryan Spann

Peso-leve: Thiago Moisés (R$ 1,72) x (R$ 2,10) Kurt Holobaugh

Peso-galo: Irene Aldana ($ 1,36) x (R$ 3,25) Bethe Correia

Peso-leve: BJ Penn (R$ 5,00) x (R$ 1,18) Clay Guida

Peso-mosca: Luana Carolina (R$ 1,58) x (R$ 2,40) Priscila Cachoeira

Peso-meio-médio: Warlley Alves (R$ 1,66) x (R$ 2,25) Sérgio Moraes

Peso-galo: Raoni Barcelos (R$ 1,18) x (R$ 5,00) Carlos Huachin

Peso-galo: Talita Bernardo (R$ 1,22) x (R$ 4,50) Viviane Araujo