Campeão do Titan FC vence votação para representar o Brasil em duelo internacional no Future 9

brasileiro é campeão do evento americano - Foto: Divulgação/Titan FC
Brasileiro é campeão do evento americano – Foto: arquivo pessoal

Campeão peso-galo do evento norte-americano Titan FC, o brasileiro Rudson Caliocane venceu a votação para lutar na 9ª edição do Future MMA. No dia 18 de outubro, ele entra no decágono, em São Paulo, para representar o Brasil no duelo internacional contra o uruguaio Paulo Portillo. Sem lutar desde janeiro, o fluminense de Cachoeiras de Macacu explicou por que decidiu entrar em ação antes de defender o título na organização estrangeira.

“Eu ia defender o cinturão contra o Irwin Rivera no dia 28 de junho, mas tive uma lesão no ligamento. A luta foi remarcada para o dia 18 de outubro, na República Dominicana, mas o Rivera teve problemas com o passaporte e não pôde sair do país. Remarcaram para 20 de dezembro, só no final do ano. Conversei com meu treinador, disse que estava treinado e gostaria de lutar antes. Ele e meu empresário me colocaram no Future”, detalhou.

Porém, antes de ter sua luta no Future MMA confirmada, Caliocane precisou vencer a batalha dos votos contra o compatriota Samuel Alves. Invicto desde a sua estreia, em 2012, o campeão do Titan também se saiu bem na votação popular e garantiu seu lugar no decágono do evento que mais exporta lutadores brasileiros para o UFC atualmente.

“Achei maneiro esse sistema de votação, porque a gente coloca a galera que nos acompanha para interagir, participar. Ver esse carinho do pessoal é maneiro. É importante receber essa energia positiva e ver que o pessoal está sonhando junto com a gente”, destacou o representante da TFT e da American Top Team.

O uruguaio também garantiu uma vaga no card através do critério popular, assim como o argentino Nicolas Cocuccio. Desta forma, eles são os primeiros estrangeiros a vencerem uma votação do Future MMA. Além dos três supracitados, outros nove lutadores confirmaram suas participações no card do Future MMA 9 através do voto, entre eles, Assis Souza, Daniel Willycat, Denis Alagoas e Evandro Barbosa, que já venceram dentro da organização.

A luta principal será a disputa do cinturão dos meio-pesados, entre Matheus Buffa e Fabão Vasconcelos. O card ainda conta com as presenças de Bruno Korea, João Alicate e Jonas Bilharinho. O Future MMA 9 terá como palco o ginásio do Centro Universitário Ítalo Brasileiro, no bairro de Santo Amaro, na Zona Sul de São Paulo. Assista a todas as lutas ao vivo e em alta definição através do aplicativo do Future, disponível para download gratuito no Google Play e na Apple Store.

Future MMA 9

Centro Universitário Ítalo Brasileiro, São Paulo-SP

18 de outubro de 2019

93kg: Matheus Buffa x Fabão Vasconcelos

57kg: Bruno Korea x João Alicate

66kg: Daniel Willycat x Guilherme Santos

66kg: Jonas Bilharinho x Júnior Duarte

70kg: Evandro Barbosa x Nicolas Cocuccio

61kg: Rudson Caliocane x Paulo Portillo

66kg: Denis Alagoas x Assis Sousa

52kg: Lucas Fenômeno x Antônio Piauí

77kg: Uyran Presunto x André Fischer

57kg: Zé Reborn x Lucas Faria

61kg: Manoel Maranhão x Carlos Crocodilo

70kg: Thiago TKS x Guilherme Senegal

120kg: Neone Hatake x Danilo Espera